UFPE lança edital do Programa de Mobilidade Internacional

A Diretoria de Relações Internacionais (DRI) coordena as ações de intercâmbio dos estudantes
Estarão abertas de 19 a 28 deste mês as inscrições para o Programa de Mobilidade Internacional (PMI) da UFPE, coordenado pela Diretoria de Relações Internacionais (DRI). O PMI é um programa destinado aos alunos de graduação que desejam cursar um semestre acadêmico em uma das universidades parceiras da UFPE. O programa não prevê auxílio financeiro ao estudante, que terá que arcar com todos os custos do período de estudos no exterior. As candidaturas serão realizadas exclusivamente através do e-mail pmi.ufpe@gmail.com. O edital está disponível no site da DRI .

Os candidatos devem preencher os seguintes requisitos: ter concluído 1º ano acadêmico (dois semestres letivos) de um curso de graduação da universidade; possuir média geral igual/superior a 6,00 (seis); apresentar, no máximo, duas reprovações não recuperadas; além de apresentar comprovante de idioma falado no país estrangeiro.

O intercâmbio tem que ser realizado para uma das instituições conveniadas à UFPE. Após identificarem a universidade estrangeira onde querem estudar, os interessados devem observar no site da instituição estrangeira se ela oferece seu curso. Após a confirmação, é necessário reunir toda a documentação descrita no edital e enviá-la para o e-mail pmi.ufpe@gmail.com em documento único formato pdf. A candidatura só estará concluída após o recebimento de mensagem de confirmação.

A DRI entrará em contato até o fim do mês para, caso o estudante seja selecionado, preencher o formulário de inscrição da instituição estrangeira e requisitar outros documentos que se façam necessários.

A equipe da DRI ressalta que a inscrição inicial no PMI é um procedimento destinado apenas a indicar à instituição estrangeira os alunos que pretendem realizar estudos no exterior. A aprovação final é analisada em cada universidade. Se o estudante for aprovado pela instituição estrangeira, receberá uma carta de aceitação e deve então providenciar visto de estudos, seguro-saúde, compra de passagem e reserva de alojamento, além de preencher o contrato de estudos da UFPE, para que possa ser colocado em modalidade estudantil no Siga.

Compartilhe: