60% das vagas via Enem sobram na 1ª etapa

60% das vagas via Enem sobram na 1ª etapa

Após a primeira rodada de matrículas, sobraram 60% das vagas oferecidas pelo Sisu (Sistema de Seleção Unificada), plataforma que seleciona alunos que fizeram o Enem 2009 para 51 instituições públicas de ensino. Um novo período de inscrição para preencher as 29 mil vagas que restaram está aberto até o próximo sábado.

A sobra se deve ao fato de que esses alunos selecionados na primeira etapa, que acabou dia 3, não se matricularam. Segundo o Ministério da Educação, isso já era esperado porque, depois das inscrições no Sisu, foram divulgados os resultados de outros vestibulares de instituições federais e estaduais, inclusive o da USP.

No Estado de São Paulo, sobraram 1.104 vagas na Unifesp e 780 na federal do ABC.

Agora, a expectativa do MEC é que pelo menos 80% das vagas oferecidas no Sisu sejam preenchidas nessa segunda rodada de seleção, que vai até as 23h59 de sábado. As inscrições devem ser feitas exclusivamente pela internet, no site sisu.mec.gov.br. As demais serão oferecidas novamente em outras rodadas de inscrição.

Podem se candidatar alunos que tiverem feito o Enem 2009. Aqueles que tiverem se matriculado em alguma instituição após a primeira etapa do Sisu perderão a vaga caso efetuem uma segunda matrícula.

As federais com as maiores sobras de vagas foram as de Mato Grosso (3.242), Pelotas (2.368) e Piauí (1.804). Há lugares disponíveis mesmo em cursos concorridos. Em medicina, por exemplo, sobraram 331.

Da mesma maneira que ocorreu durante a primeira rodada de seleção, nesta segunda etapa o aluno escolherá pelo site o curso e instituição onde deseja estudar. Ele poderá também mudar sua escolha até o último dia do período de inscrição -ou seja, sábado.

A cada manhã, o site informará a nota de corte de cada curso. Por isso, é recomendável que o aluno acompanhe o site até o último dia para saber se tem chance de ser selecionado.

A divulgação dos resultados está prevista para a próxima segunda, e a matrícula deverá ser realizada nas próprias instituições entre os dias 23 e 26.

Depois disso, haverá ainda outra rodada de inscrição com as vagas que sobrarem.

Este foi o primeiro ano em que foi adotado o Sisu. O objetivo do sistema era reduzir o número de provas que os alunos têm que fazer e facilitar a mobilidade dos estudantes entre os Estados.

Por ora, os dados iniciais do Sisu indicam ainda que a mobilidade acontece mais entre Estados de uma mesma região do que entre regiões.

Folha de S. Paulo, 16/2/2010.

Compartilhar