Acontece na UFERSA

Acontece na UFERSA

CAATINGA
Seminário discute recuperação de áreas degradadas no semiárido

A recuperação de áreas degradadas e incorporação de carbono na biomassa vegetal nativa e no solo do semiárido do Rio Grande do Norte é tema de um Seminário que acontece na próxima quarta-feira, 1º de junho, no Auditório do CTARN, a partir das 8h da manhã, no Campus Leste da Universidade Federal Rural do Semi-Árido. A realização e uma ação conjunta da UFERSA e da Petrobras. A inscrição é gratuita e será realizada antes da abertura do evento.

O Seminário, aberto a toda comunidade acadêmica, faz parte do Projeto Caatinga de Combate à Desertificação, realizado pela UFERSA, com a parceria da Petrobras e da USP, e coordenado pelo Professor Doutor, Jéferson Dombroski.  A proposta é apresentar a comunidade os resultados obtidos com o Projeto bem como os novos caminhos que serão percorridos.

Durante o Seminário serão ministradas palestras e apresentação de painéis com temas voltados para as plantas nativas da região, fertilidade do solo e clima. A primeira palestra será sobre o Projeto de Fixação de Carbono a ser proferida pelo biólogo do Centro de Pesquisa da Petrobras, Dr. Eduardo Barcelos Platter. A Degradação de Ecossistemas por Sobreuso. Desertificação, Perda de Biomassa, Perda de Material Genético, Perda de Solo será o segundo tema com o Professor Doutor da UFERSA, Jéferson Dombroski.

Ainda pela manhã, a partir das 10h, haverá a apresentação de trabalhos resultantes dos projetos de pesquisas Recuperação de Áreas Degradadas pela Liberação de Terras de Exploração de Petróleo, pelo engenheiro agrônomo, Raimundo Nogueira e, Desenvolvimento de Tecnologia para a Recuperação de Jazidas de Piçarra, pelo engenheiro agrônomo, José Erivado Araújo.

Já os trabalhos em painéis serão apresentados no horário da tarde, a partir das 14:30h, enfocando os temas: Coleta, beneficiamento de sementes e morfometria; Armazenamento de sementes; Germinação e quebra de dormência de sementes; estudos com subtratos e adubação; Estresse hídrico em mudas: potencial hídrico, porometria e fotossíntese; Avaliações de biomassa destrutiva e não destrutiva; Carbono e fertilidade do solo na área experimental de Angicos e, o painel Observações sobre climatologia. 

RECUPERAÇÃO – O Projeto Caatinga de Combate à Desertificação foi iniciado pela Universidade Federal Rural do Semi-Árido há dez anos, com a cooperação técnica com a JICA – Japan Internacional Cooperation Agency, organização interessada em desenvolver pesquisas na região do semiárido nordestino. A partir de 2009, o grupo de pesquisadores da UFERSA recebeu convite do Centro de Pesquisa da Petrobras – CENPE/PETROBRAS, para elaborar um projeto de recuperação de áreas degradadas da caatinga e de incorporação de carbono no solo e em biomassa florestal. O projeto foi efetivado em parceria com a USP. O Seminário irá apresentar os resultados obtidos, bem como os caminhos a ser percorridos daqui pra frente.

Outras informações e entrevistas entrar em contato com o professor Jéferson Dombroski, pelo telefone: 8809-2003.

 


INSCRIÇÕES
Uva é tema de minicurso na Expofruit

A viabilidade do cultivo da uva na região Mossoró/Assu será assunto de um dos minicursos da programação científica da Expoifruit 2011. O curso será ministrado pelo professor Sênior da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior – CAPES, Celso Pommer. Com o tema Cultura da Uva, o curso vai acontecer nos dias 6 e 7 de junho, na Sala de Projeção, do Campus Oeste da UFERSA Mossoró.

Segundo o professor Celso Pommer, o minicurso abordará questões sobre a produção da uva nas áreas correspondentes ao semiárido potiguar, sobretudo na região entre Mossoró e Assu. No conteúdo também serão explicadas as técnicas de plantio e como se comporta esse cultivo em uma região de clima quente. “Existe uma grande questão sobre a possibilidade real de produção dessa fruta na região, que para muitos é inviável devido o clima seco”, pontua o professor.

Durante o minicurso, Celso Pommer ainda apresentará o Projeto Produção de Uva de Mesa com Baixo Impacto Ambiental. A pesquisa é coordenada pelo próprio professor que mostra o potencial da cultura da uva na região do Vale Mossoró/Assu. “Vamos responder questões levantadas de acordo com os resultados obtidos nessa pesquisa”, explica. Serão abordados também os custos de produção da uva, a oscilação de preços no mercado e, por fim, sua rentabilidade econômica na região.

Os interessados em participar do minicurso devem efetuar as inscrições até o dia do evento na Pro-reitoria de Extensão e Cultura – PROEC, que fica no prédio do CTARN, Campus Leste da UFERSA. O valor da inscrição é de R$ 25 para estudantes e de R$ 50 para comunidade e profissionais em geral. Os participantes receberão certificados correspondentes às atividades desenvolvidas com carga-horária de 12 horas. As vagas são limitadas.


PIBID
UFERSA oferece 128 vagas para bolsistas

A Universidade Federal Rural do Semi-Árido, por meio da Pró-Reitoria de Extensão e Cultura, abriu Edital para seleção de 128 bolsistas, sendo 115 destinadas a estudantes dos diversos Cursos de Licenciaturas da UFERSA e 13 para professores oriundos das escolas públicas conveniadas, para integrar o Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência – PIBID. O Programa tem previsão para começar no próximo mês de junho.

Os estudantes interessados devem fazer a inscrição até o dia 6 de junho, na Pró-Reitoria de Extensão e Cultura. A carga horária para o bolsista é de 30 horas semanais e o valor da bolsa é de R$ 400,00 para estudantes e de R$ 765,00 para professor.

Os bolsistas selecionados deverão atuar na universidade e em diálogo com as escolas públicas conveniadas assistidas pelo Programa com até dois anos de duração. As bolsas estão distribuídas nos campi da UFERSA de Mossoró e Angicos, nos cursos de Licenciatura em Computação de Angicos (12), Licenciatura em Ciências Biológicas de Mossoró (18), Licenciatura em Matemática de Angicos (15), Licenciatura em Matemática de Mossoró (30) e Licenciatura em Matemática da Educação a Distância (40). Quanto as bolsas para os professores será para os supervisores de cada disciplina.

O PIBID é uma ação conjunta da Secretaria de Educação Básica Presencial do Ministério da Educação (MEC) e da Fundação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) que tem como objetivo a formação de professores para a educação básica, a fim de contribuir para a elevação da qualidade da escola pública e a valorização do magistério.

Para concorrer à bolsa, o estudante universitário deve estar matriculado num curso de licenciatura da UFERSA. Já para o professor é exigida atuação no magistério da educação básica. Os candidatos também serão submetidos a uma entrevista para considerar a adequação ou não ao perfil para participar do PIBID.


CONCURSO
Seleção para professores adjuntos e assistentes da UFERSA

Profissionais graduados e pós-graduados nas áreas de Matemática, Engenharia Civil, Engenharia Química, Ciências Sociais, Engenharia Elétrica, Biotecnologia, Farmácia, Economia e Zootecnia poderão participar do processo seletivo para o quadro permanente de professores da Universidade Federal Rural do Semi-Árido. No total, são dez vagas distribuídas em dois concursos: Edital Nº 007/2011 e Edital Nº 008/2011.

As vagas destinadas ao cargo de Professor Efetivo Adjunto e Assistente estão distribuídas nos campus da UFERSA de Mossoró, Angicos e Caraúbas. As inscrições começaram na última segunda-feira, 23 de maio, e vão prosseguir até o dia 23 de junho. Para os candidatos com doutorado a taxa é de R$ 130,00 e com o título de mestre R$ 90,00.

Os candidatos vão se submeterem à prova escrita, de aptidão didática e do exame de títulos com todas as etapas da seleção acontecendo na UFERSA Mossoró. O salário de Professor Adjunto é de R$ 7.333,66, mais auxílio alimentação no valor de R$ 304,00 e, o de Professor Substituto é de R$ 4.651,58, mais o auxílio alimentação no mesmo valor. O regime para ambas as categorias é de dedicação exclusiva, com carga horária de 40 horas semanais.
Inscrições e os Editais completos no site:
http://www2.ufersa.edu.br/sistemas/concursos/publico


PÓS
Inscrições para Mestrado em Sistema de Comunicação e Automação

O Programa de Pós-Graduação em Sistemas de Comunicação e Automação (PPSCA) da Universidade Federal do Semiárido (UFERSA), lança Edital de Seleção para o Mestrado Acadêmico em Sistemas de Comunicação e Automação. As inscrição estão sendo realizadas até o dia 15 junho e são oferecidas 07 (sete) vagas.

Podem se inscrever profissionais de nível superior formados em cursos de graduação em uma ou mais linhas de pesquisas do PPGSCA em Engenharia Elétrica (Telecomunicações, Controle e Automação, Energia, Sistemas de Potência, Eletrônica), e suas áreas afins Ciência da Computação, Engenharia da Computação, Engenharia Mecatrônica, Engenharia Mecânica, Engenharia de Petróleo, Matemática e Física.

Os candidatos serão selecionados com base no histórico escolar e no Curriculum Vitae e o resultado do processo seletivo será divulgado até o dia 30/06/2011 no sítio da PROPPG na internet.

Confira Edital no endereço abaixo: http://www2.ufersa.edu.br/portal/noticias/3591/Mestrado%20em%20Sistemas%20de%20Comunica%C3%A7%C3%A3o%20e%20Automa%C3%A7%C3%A3o


CONEXÕES
Simpósio na UFERSA aborda estudos sobre linguagem

Estudantes, professores e demais profissionais interessados no estudo da linguagem poderão participar do Simpósio sobre Linguagem, Identidades Sociais e Literatura que vai acontecer neste sábado, 28, a partir das 8h da manhã, no Auditório do CTARN. As inscrições estão sendo feitas no Departamento de Ciências sociais da Universidade Federal Rural do Semi-Árido ou através do e-mail conexoes@ufersa.edu.br . A inscrição é gratuita e os participantes receberão certificado.

A iniciativa é do Programa Conexões de Saberes da UFERSA e tem como proposta possibilitar aos participantes a formação extensionista voltada para a intervenção qualificada em diferentes espaços sociais, bem como a interação entre comunidade e universidade, que se faz por meio da linguagem, dos discursos, da troca de saberes e fazeres. “O Simpósio é aberto não apenas para os estudantes integrantes do Programa, mas para toda a comunidade acadêmica”, afirma a Coordenadora do Conexões de Saberes da UFERSA, professora Ady Canário.

O Simpósio contará com duas conferências sendo a primeira na abertura sobre Literatura, Identidades e Sentidos, a ser proferida pelo Prof. Dr. Leontino Filho, da Faculdade de Letras da Universidade Estadual do Rio Grande do Norte e, a segunda no encerramento com o tema A Argumentação no Poder do Discuso, pela professora Doutoranda em Lingüística pela UFPB, Clécilda Mara Bezerra Bessa.

No intervalo entre as duas conferências serão proferidas as palestras Gilberto Freyre e Câmara Cascudo: entre a tradição, o moderno e o regional; Um trabalho sobre memórias e imaginários a partir de canções, poemas e histórias; Machado de Assis e a transgressão da memória no Memorial de Aires; Protagonismo juvenil e cidadania; Fundamentos teórico-práticos para a análise de discurso crítica e, A construção da brasilidade inscrita em comercial das sandálias Havaianas Identidade feminina em revista: discurso e redes de memória.  Confira AQUI na íntegra a Programação do Simpósio.


PESCA
Oportunidade de curso de mergulho para estudantes

Habilitar professores e alunos do curso de Engenharia de Pesca para a prática do mergulho. Com essa finalidade, a Coordenação do Curso de Engenharia de Pesca da Universidade Federal Rural do Semi-Árido, em parceria com a empresa Atlântida Mergulho, estará oportunizando o primeiro curso de mergulho da UFERSA. As aulas vão acontecer neste sábado, 28, na Piscina da UFERSA, das 7 às 11:30h e, das 14 às 17h.

Segundo o professor, Marcelo Augusto, o curso é uma oportunidade para os alunos queiram realizar pesquisas no mar. “Para a realização de mergulhos científicos é necessário que o pesquisador esteja habilitado nessa modalidade”, justifica o professor ao alertar a importância do curso que é habilitado pela Confederação Brasileira de Pesca e Desportos e Subaquáticos – CBPDS.

O professor Marcelo Augusto explica ainda que o batismo dos novos mergulhadores irá acontecer no domingo, dia 29, na Praia de Areia Branca, com o primeiro grupo de 10 alunos, no horário das 6 às 11 e, o segundo grupo, com mais 10 alunos, no horário das 12 às 18h.

 

Compartilhar