ANDIFES divulga nota contra abusos da Polícia Militar ocorridos em invasão na UFMG

ANDIFES divulga nota contra abusos da Polícia Militar ocorridos em invasão na UFMG

NOTA PÚBLICA

A Diretoria da Andifes expressa seu irrestrito apoio à UFMG e sua comunidade acadêmica, na pessoa do reitor Jaime Arturo Ramírez, após ter tomado conhecimento que no dia 07/12/2016, ocorreu invasão do campus seguida de ação truculenta da Polícia Militar do Estado de Minas Gerais contra manifestantes, entre professores, funcionários e alunos.

A sociedade brasileira, a cidadania, os valores civilizatórios e constitucionais, não admitem o abuso de qualquer autoridade, em especial daquelas que alegando cumprir o dever, extrapolam o uso dos meios que lhe são conferidos pela lei para sua importante missão. Instituições devem estar sintonizadas com a busca da harmonia e do desfecho pacífico dos conflitos, e não em exceder seus limites constitucionais e republicanos, muitas vezes protagonizando violência e arbítrio, que não guardam relação com o estado democrático de direito.

A Diretoria da Andifes conclama às lideranças da sociedade que sancionem e censurem toda e qualquer travessia da fronteira da democracia, do respeito aos direitos humanos e da reverência à educação, educadores e educandos. Somos todos UFMG. Somos todos universidade pública, gratuita e de qualidade.

Ângela Paiva Cruz
Presidente da Andifes

Compartilhar