Andifes lança selo comemorativo de 30 anos

Como parte das celebrações dos 30 anos de fundação, a Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes) lançou selo comemorativo. A peça foi apresentada oficialmente na primeira reunião do Conselho Pleno em 2019 e irá substituir a atual marca da instituição durante o ano.

O selo mantém as cores da marca da Andifes. A principal novidade, porém, é o interior, destacando o trigésimo aniversário da associação, e o slogan “Educação Pública, gratuita e de qualidade”, síntese da razão de existir da Andifes.

Fundada em 23 de maio de 1989, a Andifes atua pela valorização, defesa e representatividade das universidades federais na interlocução com o Governo Federal, com o Congresso Nacional, com a imprensa e a sociedade.

Inicialmente com 24 universidades, hoje a Andifes representa 63 universidades federais e dois Centros Federais de Educação Tecnológica (CEFETs). São 328 campi presentes em todos os estados da Federação e no Distrito Federal, onde estudam 1,2 milhão de alunos de graduação e de pós-graduação, em todas as áreas do conhecimento.

A trajetória da Andifes se confunde com ações que foram determinantes para a construção de uma educação de qualidade para todos. A entidade participou da elaboração de importantes políticas públicas, como a Lei de Diretrizes e Bases da Educação (1996 e 2014), o Plano Nacional de Educação (2001 e 2014), a Lei do Bem (2005), o Pré-Sal (2010), a Lei de Cotas (2012), o Marco Legal da Ciência e Tecnologia (2016), e Emenda Constitucional nº93 (2016) e Leis Orçamentárias (1995 a 2019).

Ainda no plano político, a Andifes foi propositora e debateu com o Ministério da Educação (MEC), Parlamento e sociedade civil o Programa de Apoio a Planos de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais – REUNI (2007), do Plano Nacional de Assistência Estudantil – PNAES (2010), do Programa de Apoio à Pós-Graduação das Instituições Federais de Ensino Superior – PAPG (2008), e do Programa de Expansão, Excelência e Internacionalização das Universidades Federais – PEEXIU (2012). 

Compartilhe: