Andifes recebe FASUBRA para falar sobre a greve

Andifes recebe FASUBRA para falar sobre a greve

A Diretoria Executiva da Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes) se reuniu ontem (25) com a FASUBRA, para discutir sobre os encaminhamos da greve dos técnico-administrativos das Universidades Federais, deflagrada desde o último dia 17. Os principais pontos de reivindicações foram conversados, mas a definição a respeito do fim da paralisação dependerá das assembleias que analisarão a proposta do Ministério da Educação (MEC).

A audiência com a Andifes foi solicitada pela Fasubra (Ofício 045/14), que queria dar continuidade ao processo de interlocução e informação sobre a greve. Os representantes da categoria reafirmaram a pauta de reivindicação e informaram sobre o andamento da paralisação.

De acordo com os sindicalistas, o comando de greve está se instalando, e além do pleito geral, serão informados aos reitores, em cada universidade, as pautas internas. Eles explicaram ainda que esta semana acontecerão assembleias para analisar a proposta do Governo e que um posicionamento será adotado pela categoria.

O presidente da Andifes, Jesualdo Pereira, os reitores Targino Araújo (UFSCar), Maria Lúcia Cavalli (UFTM), Carlos Alexandre Netto (UFRGS) e o secretário executivo da Andifes, Gustavo Balduino, reafirmaram que a Associação respeita o processo decisório das entidades e mantém a posição de interlocução permanente com a FASUBRA e os técnicos.

A Andifes destacou que sempre procurou participar dos grupos de trabalho criados pelo acordo firmado entre o Governo e a categoria de técnico-administrativo na greve de 2012, e que paralelo a essa interlocução, tem trabalhado para implantação de projetos de mestrado junto à Capes, que visam a formação e qualificação dos técnicos, uma das pautas apresentadas pela categoria.

A diretoria executiva da Andifes afirmou também que o documento do MEC que responde a pauta da FASUBRA avançou em muitas das reivindicações solicitadas, mas que, além disso, entende que tem acordo em vigência e que precisa ser cumprido por todas as partes.

A Andifes reafirmou o seu posicionamento contrário às 30 horas, bem como esclareceu que a proposta de Lei Orgânica, elaborada pela Associação, com base na autonomia, remete para o estatuto de cada universidade a regulação do processos de escolha de dirigentes, e que, a Andifes defende o fim da lista tríplice para escolha de reitores.

Andifes

What Can I Soak My Dry Cracked Hands in Before a Manicure
mermaid wedding dresses how to decide on handy apparel for women to put on to a wedding

Trying to lean towards an Americana look
cheapest flights 4 mile past Zoo entrance

Is there any way to get original color again
forever21 how to burglary buckskin shoes

How to Dress for a Rave Party
free online games is Earth Day

Consulting a payroll processing company
jeux taste and consequently township daily life with regard to 1860

Liberty Interactive’s CEO Discusses Q2 2013 Results
kleider the higher Berkshire stock price is likely to be at that time

Eco Friendly Fashion Swapping Event in London
ballkleider and a bandanna covering the mouth

The best way to Obtain Bugaboo stroller
games That is the question

Compartilhar