Chico César vai lançar novo disco no Festival de Inverno

Chico César vai lançar novo disco no Festival de Inverno

As duas maiores festas populares do Brasil – o Carnaval e o São João – são as principais fontes de inspiração para Chico César em seu novo disco, “Francisco Forró y Frevo”. O público do Festival de Inverno de Ouro Preto e Mariana poderão conferir essa fase atual do artista que se apresenta na quinta-feira (22), às 22h, na Praça da UFOP, em Ouro Preto e na sexta-feira (23), às 21h, na Praça dos Ferroviários, em Mariana.

 

O show de lançamento do novo álbum de Chico César é um dos principais shows que começam nesta quinta-feira (22) para a despedida em alto-estilo do Festival de Inverno. Às 23h, em Mariana, na Conexão Festival/Sagarana quem se apresenta é a banda Vira Saia. À meia noite, no Bar do Festival, em Ouro Preto, a atração é Zé Roberto e convidados.

 

Na sexta-feira (23), em Ouro Preto, Warley Henrique é a atração na Praça da UFOP a partir das 22h. E no Bar do Festival, a partir da meia noite, Benedito Blues dá o tom da noite. Em seguida, o Conexão Festival / CAEM apresenta Hocus Pocus às 2h. Em Mariana, o Conexão Festival / Sagarana apresenta a partir das 23h a banda de Forró, Jequitilavras.

 

Sábado (24) é dia de Virada Cultural em Ouro Preto. O evento, que também foi realizado em Mariana, em 17 de julho, é novidade no Festival de Inverno de Ouro Preto e Mariana. Shows, peças de teatro e diversas atividades culturais vão movimentar o “Viradão do Festival”, semelhante ao paulistano e carioca, com espetáculos gratuitos durante 12 horas.

 

A Virada começa às 18h com a mostra da oficina “Criação e Manipulação de Bonecos”, na Tenda Cultural da Vale. Em seguida, direto da Itália, o “viradão” apresenta às 20h, no Morro da Foca, o “Valse -Teatro tascabile di Bergamo”. A atração é da companhia Teatro Tascabile di Bergamo, que há anos está radicado no norte da Itália, e agora se apresenta em Ouro Preto. O grupo é referência na Europa e foi fundado por Renzo Vescovi há mais de 30 anos. Ele apresenta no Festival de Inverno o espetáculo “Valse” com 11 atores em cena, sendo oito deles sobre pernas-de-pau e figurinos de gala, como se estivessem num baile a céu aberto.

 

No teatro Ouro Preto do Centro de Convenções da UFOP, a companhia ID Investiga Dança apresenta as 20h30 a peça “Inesquecível”.

 

Com debates sobre sustentabilidade e música ao ar livre, acontece, às 21h, o Luau da Agenda 21 na Rua São José, centro histórico de Ouro Preto. No mesmo horário, a pizzaria O Passo se rende a “PixelAção”, intervenção sonoro-visual no espaço público com o grupo Residência.

 

A noite ainda terá o espetáculo “A Casa de Lá”, com o teatro Diadokai e grupo Girau de Belo Horizonte, na sala 35 da Escola de Minas a partir das 22h. Enquanto isso, a turma do Clube do Balanço dá o ritmo na Praça da UFOP, às 22h. À meia noite o teatro municipal Casa da Ópera, o mais antigo em funcionamento das Américas, abre as suas portas para a peça carioca “A Descoberta das Américas”. No mesmo horário o “Contos da Meia Noite” é a atração no pátio central da Escola de Minas.

 

Para quem está à procura de música, o “Conexão Festival / CAEM” apresenta às 2h o som da banda “Barão Cover” e “Aeroplane”. No Bar do Festival dose dupla para animar a galera até o dia amanhecer. As 1h quem sobe ao palco é Sergio Danilo, com gafieira Groove Band e das 3h até as 6h, o Cordão do Boitatá, do Rio de Janeiro entra em cena para agitar até os últimos minutos do “viradão” do festival.

 

Já em Mariana, de 17h às 20h acontece no palco do Festival na Praça Gomes Freire os shows com bandas independentes. O cantor Thiago Delegado se apresenta às 21h na Praça dos Ferroviários e no Conexão Festival / Sagarana, Torquete e banda dita o ritmo da noite na cidade.

 

A despedida do Festival de Inverno em Ouro Preto no domingo (25) é com um grande corredor cultural na Rua São José a partir das 13h. O evento terá entre as atrações a mostra de oficina de bandas. A partir das 22h a noite ouropretana se rende ao som de Armandinho, Dodô e Osmar, no show na Praça da UFOP. Em 2010, a banda comemora 60 anos desde a sua primeira apresentação oficial do Trio Elétrico em Salvador em pleno Carnaval.

 

A partir da década de 70, a Banda Armandinho, Dodô & Osmar, formada pelos filhos de Osmar Macedo – Armandinho, Aroldo, Betinho e André – reinventou a música do Trio Elétrico, abrindo caminhos para a música baiana.

 

Em Mariana, após a apresentação das bandas independentes de 17h às 20h na Praça Gomes Freire, o público confere às 21h, o show do Clube do Balanço na Praça dos Ferroviários.

 

O Festival de Inverno de Ouro Preto e Mariana – Fórum das Artes 2010 é uma realização da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP) em parceria com as Prefeituras Municipais de Ouro Preto e Mariana e a Fundação Educativa de Rádio e TV Ouro Preto (Feop). É patrocinado pela CEMIG, Gerdau, Vale, Caixa, Samarco, Petrobras, Santander, IFMG – Ouro Preto e Ministérios da Cultura e da Educação e conta com apoio cultural da Globo Minas, Feop, TV  UFOP, Rádio UFOP, Fundação de Arte de Ouro Preto (Faop) e SESI FIEMG.

 

 

Assessoria de Imprensa

Festival de Inverno de Ouro Preto e Mariana

Rondon Marques e Christiane Lopes

(0xx31) 3559-3440 / 34/05 / 3406

 

Compartilhar