Comissão aprova incentivo para doação a universidade e centro de pesquisa

Comissão aprova incentivo para doação a universidade e centro de pesquisa

Em troca da doação, as empresas poderão deduzir 6% do imposto de renda devido e as pessoas físicas, 1%.

A Comissão de Educação aprovou na última quarta-feira (5) o Projeto de Lei 4103/12, do deputado João Caldas (PSDB-AL), que permite a dedução do imposto de renda de doações, em espécie ou bens, a instituições públicas de ensino superior ou pesquisa e instituições de educação profissional e tecnológica.

De acordo com a proposta, as doações poderão apoiar a construção, aquisição ou reforma de prédios, compra de livros e periódicos, mobiliário, equipamentos de pesquisa, acessórios, partes e peças ou reestruturação de instalações e centros de pesquisas.

As doações também poderão ser utilizadas para custear projetos de pesquisa e extensão, voltados à manifestação artística, inovação científica, tecnologia ou destinados à prestação de serviços de interesse da comunidade.

No caso de pessoa jurídica, a dedução do imposto de renda ficará limitada a 6% do imposto devido na Declaração de Ajuste Anual. No caso da pessoa jurídica, a dedução será de até 1% do imposto devido.

Pagamento de funcionários

Conforme o texto, os valores recebidos pelas instituições só poderão ser utilizados para a compra de bense não poderão ser usados para pagar despesas com pessoal ou qualquer forma de remuneração. A proposta permite ainda que a universidade recuse doação de bens, nos casos em que não haja necessidade ou interesse público.

O parecer do relator, deputado Waldenor Pereira (PT-BA) foi favorável. “É importante atrair a colaboração da sociedade em geral e encorajar a responsabilidade para com a educação e, particularmente, por parte de amplos segmentos da elite que estudaram em escolas públicas”, disse. “É comum, nos países desenvolvidos, a prática da doação exercida, por exemplo, pelos ex-alunos ou pelos cidadãos que acumularam grandes fortunas.’

O relator ressaltou que, no Brasil, já existem algumas experiências nesse sentido. “O Fundo Patrimonial Amigos da Poli, da Escola Politécnica da USP, arrecadou cerca de R$ 5 milhões em 2012. O Instituto Coppead, da UFRJ, tem seis cátedras patrocinadas por empresas”, exemplificou.

Tramitação

De caráter conclusivo, a proposta ainda será analisada pelas comissões de Finanças e Tributação e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Agência Câmara

 

 

Crew Group Management Discusses Q3 2011 Results
watch game of thrones online free just kind of

How to Tint Existing Eyeglasses
cheap wedding dresses fashion accessory position pertaining to

8 Reasons To Buy Handmade Shawls Scarves As Holiday Gifts
cheap flights Yung has little chance of defeating this seasoned tournament veteran

Lucky Brand jeans on the cheap
forever21 it also seems pretty damn hard to enforce

the Italian love story behind the brand
jeux fr Gifts for an 8 Year Old

The rise and fall and rise again
games this method is right for the occasion

Development of pig leather industry in the first half of 2009
kleider Aeropostale anticipates diluted earnings per share of

No Credit Auto Loans for People Juggling to Build Credit
ballkleider It was the time of knitted sweaters

Compartilhar