Comissões e Fóruns da Andifes fazem balanço de 2011

Comissões e Fóruns da Andifes fazem balanço de 2011

Ao longo do ano as Comissões, Colégios e Fóruns da Andifes realizaram reuniões visando analisar as questões ligadas ao ensino, pesquisa e extensão bem como contribuir para o processo de formação de atividades desenvolvidas pela Andifes. Confira as principais atividades desenvolvidas relatadas pelos presidentes e coordenadores.

Comissão de Relações Internacionais
O reitor Targino Araújo da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), presidente da Comissão de Relações Internacionais (CRIA), disse que o grande desafio para a comissão este ano foi dar início à implementação do Programa Ciência sem Fronteiras tendo, inclusive, participado de missões a países parceiros. Ele falou que a aprovação no pleno da Andifes da criação do Colégio de Gestores de Relações Internacionais das IFES (CGRIFES) vem auxiliando de forma significativa suas ações tanto em relação ao Programa Ciência sem Fronteiras, como àquelas que procuram estimular a internacionalização das universidades, como é o caso do levantamento das necessidades de cada uma delas para uma estrutura de apoio a tais ações. Por fim o reitor citou a colaboração que a direção do CGRIFES está tendo em passar para o inglês uma parte da página da Andifes e o desenvolvimento de um folder bilíngue.

Comissão de Hospitais Universitários
O presidente da Comissão de Hospitais Universitários, reitor Natalino Salgado da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), avaliou três pontos importantes que a comissão colaborou ao longo do ano. 1º Projeto REHUF: Participação da no Comitê para tomada de decisões nas políticas de fortalecimento dos HU`s. Acompanhamento e tomada de decisão dos aportes financeiros destinados as melhorias na estrutura física, aquisição de equipamentos e manutenção do HU’s. 2º Aplicativos de Gestão para os Hospitais Universitários (AGHU): participação no Comitê Gestor do AGHU, acompanhamento da implantação dos primeiros módulos, implantados na Maternidade Vitor Ferreira do Amaral, Grande Dourados e HUUFMA ; demais HU´S estão em fase de preparação para implantação do AGHU. 3º Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH): participação em fórum e no Congresso Nacional para esclarecimento da importância da EBSERH. A comissão avalia de forma positiva as transformações que estão correndo nos Hu’s com mudança do cenário anterior e novas perspectivas para 2012.

FONAPRACE
O Fórum de Assuntos Comunitários e Estudantis da Andifes (FONAPRACE) em 2011, foi encarregado pela Andifes de produzir um documento fundamental para a consolidação da política de assistência estudantil no Brasil. O Perfil Sócio Econômico e Cultural dos Estudantes de Graduação das Universidades Brasileiras, lançado em agosto de 2011, oportuniza um conhecimento amplo da natureza e necessidades dos estudantes brasileiros. O FONAPRACE, em 2012, trabalhará ao lado da Andifes pela ampliação dos recursos do Plano Nacional de Assistência Estudantil – PNAES, bem como a criação de vagas para os quadros técnicos profissionais que desenvolvam atividades na área.

FORPLAD
O coordenador do Fórum de pró-reitores de Planejamento e Administração (FORPLAD), José Nagib, explicou que, como tem feito rotineiramente nos últimos anos, o Fórum se reuniu quatro vezes em 2011 para tratar das questões relativas às pró-reitorias de administração e planejamento das universidades brasileiras. Nestas reuniões foram tratados diversos assuntos, dentre os quais ele destaca: novas estruturas multicampi das universidades federais, avaliação das IFES, processos de construção dos Planos de Desenvolvimento Institucionais, status da Educação a Distância nas IFES, apresentação de boas práticas (por exemplo: auditoria em telefonia, sistemas de impressão), apresentação do projeto Siges (SESu/MEC), discussão de aspectos regulatórios com a Secretaria de Regulação e Supervisão da Educação Superior do MEC e discussão de aspectos administrativos com a Subsecretaria de Assuntos Administrativos da Secretaria Executiva do MEC (SAA/SE).

Segundo Nagib, um assunto que tomou um produtivo tempo da pauta do FORPLAD em 2011 foi a discussão do novo modelo de distribuição de recursos de OCC, que deverá ser implantado em atendimento ao Decreto 7.233/2010. Estas discussões culminaram com a apresentação de uma proposta à Andifes, que foi aprovada no final de novembro e que deverá, a partir do início do próximo ano, ser discutida com a DIFES/SESu.

Nagib destacou ainda a permanente participação, em todas reuniões do FORPLAD, da Subsecretaria de Planejamento e Orçamento da Secretaria Executiva do MEC (SPO/SE), e da Diretoria de Desenvolvimento da Rede de IFES da Secretaria de Educação Superior do MEC (DIFES/SESu). “A colaboração do FORPLAD com a SPO/SE e com a DIFES/SESu tem sido intensa, e é fundamental para o adequado entendimento entre o MEC e o conjunto das IFES. Esperamos que essa colaboração continue profícua no futuro”, avaliou o pró-reitor.

Compartilhar