Complexo HC recebe protetores faciais produzidos pela UFPR

Complexo HC recebe protetores faciais produzidos pela UFPR

O Complexo Hospital de Clínicas recebeu nesta sexta-feira (24) 500 unidades de face shields (protetores faciais de acrílico) produzidos por um grupo de professores e estudantes de diversos departamentos e campi da UFPR. A Superintendente do Complexo HC, Claudete Reggiani, destacou o papel da Universidade nesse momento ao produzir equipamentos de proteção individual, visando a garantia do trabalho dos nossos profissionais.

Complexo Hospital de Clínicas recebeu 500 protetores faciais de acrílico produzidos por professores e estudantes da UFPR. Fotos: CHC-UFPR

Segundo Alexandre LuisTrovon de Carvalho, professor do Departamento de Matemática e assessor no Gabinete do Reitor da UFPR, “foi uma produção feita exclusivamente para o HC respeitando critérios de segurança e qualidade que o próprio Hospital desenhou e precisa para o seu trabalho interno”.

As equipes que trabalham na ação “UFPR-Rede de Combate COVID-19” preveem produzir cerca de 5 mil protetores faciais nesta etapa inicial, sendo que destes, mais 2,5 mil serão entregues para o Complexo HC. O professor Márcio Fontana Catapan, do Departamento de Expressão Gráfica da UFPR, relata que a mobilização começou a partir do momento em que as aulas foram suspensas. Professores e alunos organizaram-se em grupos para iniciar o trabalho.

Equipes que trabalham na ação “UFPR-Rede de Combate COVID-19” preveem produzir cerca de 5 mil protetores faciais nesta etapa inicial

Impressoras 3D foram alocadas no Laboratório de Modelagem e Prototipagem (LAMB), que tem sido utilizado para realizar a produção dos protetores faciais e foi organizado com células de montagem, que se dividem em três etapas: preparação dos acetatos, preparação dos arcos (inspeção de qualidade e ajustes), e montagem (corte dos elásticos, montagem do arco e acetato, higienização e embalagem).

Texto: Unidade de Comunicação do Complexo Hospital de Clínicas

Compartilhar