Comunicadores das universidades debatem ideias e propostas em evento promovido pela Andifes

Comunicadores das universidades debatem ideias e propostas em evento promovido pela Andifes

A comunicação pública desenvolvida nas universidades foi debatida entre os dias 24 e 26 de setembro, na Universidade Federal do Oeste do Pará (UFOPA), em Santarém, durante o 9º Encontro Andifes de Assessorias de Comunicação das Universidades Federais. O evento foi promovido pela Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes) e teve como objetivo proporcionar a troca de experiências entre os coordenadores de comunicação e debater os principais temas que envolvem a dinâmica da informação dentro e fora das instituições, com um olhar para condição de instituições públicas das universidades.

encontro_ascom8

Na edição de 2015 cerca de 50 assessores de comunicação participaram do encontro, que este ano foi realizado pela primeira vez fora de Brasília. A UFOPA foi escolhida para sediar dentro do contexto de representação do novo perfil de universidade pública federal, jovem, interiorizada e localizada no Norte do país. A reitora Raimunda Nonato Monteiro participou da abertura, juntamente com a reitora da Universidade Federal do Amapá (UNIFAP), Eliana Superti. O reitor da Universidade Federal Rural da Amazônia (UFRA), Sueo Numazawa, também este no evento, acompanhado do seu vice-reitor, Paulo Santos.

sueo

Reitor Sueo Numazawa (UFRA)

A palestra de abertura teve a participação do coordenador de comunicação em ciência e tecnologia da Embrapa, Jorge Duarte, que trabalhou o tema gerenciamento de crise, abordando os aspectos do novo modelo de crise, sua velocidade, campo de atuação, personagens e linguagem. O assessor de imprensa da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Jean Souza, também compôs esta mesa trazendo experiências de gerenciamento de crise sob o enfoque do planejamento como estratégia de prevenção e redução de danos.

jorge

Palestrante Jorge Duarte

O segundo assunto foi sobre divulgação científica, com palestras do diretor do departamento de popularização e difusão da ciência e tecnologia do MCTI, Douglas Falcão e da coordenadora do laboratório de comunicação multimídia do Museu Paraense Emílio Goeldi, Joice Santos. Douglas Falcão apresentou uma pesquisa sobre a percepção pública da CTI no Brasil, lançada agora em 2015, e a pesquisadora Joice Santos falou sobre sua experiência profissional com enfoque nos desafios de fazer e divulgar ciência na região Norte.

encontro_ascom5

Mesa sobre divulgação científica

A terceira mesa abordou o tema técnico orçamento das universidades, com exposição do pró-reitor Tomás Dias Sant´Ana, presidente do Fórum de Pró-reitores de Planejamento e Orçamento das Universidades Federais (FORPLAD). Por ser um tema permanente, foi contemplado na programação para que os assessores aprimorassem os termos técnicos, obtendo assim maior domínio para fazer uma comunicação de qualidade e precisão. Tomás Sant´Ana atualizou os coordenadores de comunicação sobre composição do orçamento e suas particularidades de execução nas Universidades Federais, e auxiliou com orientações sobre as melhores formas de tratar jornalisticamente o tema orçamento, atendendo as demandas internas da comunidade e da mídia.

tomas

Pró-reitor Tomás Sant´Ana

O segundo dia de atividades começou com a palestra da jornalista Sabine Righetti, responsável pelo blog Abecedário do jornal Folha de S. Paulo e organizadora do Ranking Universitário Folha (RUF). Sabine explicou como as avaliações e os rankings se estabeleceram pelo mundo e como a Folha adaptou para aplicação da avaliação das universidades brasileiras. A jornalista tirou dúvidas e destacou a importância do encontro com os coordenadores de comunicação da Universidades Federais para auxiliar no aperfeiçoamento do ranking nas próximas edições.

encontro_ascom6

Mesa sobre RUF

Neste debate também participou o secretário executivo da Andifes, Gustavo Balduino, que falou sobre a importância do ranking, mas pontou controvérsia do RUF. “É bem-vindo como mais uma forma de avaliação e por ser um produto nacional, mas não pode ser referência de qualidade nem instrumento para políticas públicas”, disse o secretário da Andifes.

A reitora da UFOPA, Raimunda Monteiro, voltou a participar do encontro como palestrante, sobre os desafios de implantação de uma universidade interiorizada. Ao apresentar a UFOPA como instituição com esse perfil, a reitora mostrou o impacto positivo da política de expansão dos últimos anos, como desenvolvimento regional, democratização do ensino, e mais especificamente, no caso do oeste do Pará, a inclusão das várias etnias na busca pela formação superior.

encontro_ascom3

Reitora Raimunda Nonato Monteiro (UFOPA)

Os desafios também foram expostos, como a fixação de doutores, acesso à banda larga com mais qualidade, distância entre os campi e poucas opções de fornecedores e prestadores de serviços. O coordenador de comunicação da Universidade Federal do Cariri (UFCA), professor Anderson Sandes, reforçou o debate falando sobre a experiência de trabalho da comunicação nestas universidades recém-criadas e interiorizada.

A última mesa de palestrantes convidados recebeu dois especialistas em mídias sociais, Daniel Medeiros, coordenador de comunicação digital da Embrapa e Paulo Cesar Santos, chefe do núcleo de mídias sociais da Secretaria de Comunicação Social da Câmara dos Deputados. As palestras mostraram estratégias de divulgação de conteúdo, formato ideal, captação de seguidores, posturas de atendimento e respostas às críticas. Com formas de atuação diferenciadas, a gerência das mídias sociais da Embrapa foi posta sem tantos conflitos de crise, mas como mecanismo de fortalecimento de divulgação de conteúdo. No caso da Câmara dos Deputados, pelo próprio ambiente político, foi apresentado como atuar com equilíbrio e representatividade diante das críticas da sociedade.

encontro_ascom7

MESAS DE EXPERIÊNCIAS
Durante toda a programação do evento as foram intercaladas mesas de relatos de experiências das assessorias das Universidades Federais. Ao total foram doze universidades inscritas, que relataram projetos e desafios, no momento do evento configurado para troca de conhecimento mútuo das diversidades de cada instituição. Entre os temas trabalhados na primeira mesa estava gerenciamento de crise, com palestra das coordenadoras Klene Aquino (UNIVASF) e Thereza Marinho (UFES) e media training, com palestra da coordenadora de comunicação Alessandra Castilho (UFABC).

encontro_ascom1

Mesa de experiências das universidades

O segundo encontro aconteceu com as exposições do assessor de comunicação Danilo Azevedo (UFOB), que falou sobre os desafios de uma universidade nova e multicampi e com a apresentação da assessora Glauce Monteiro (UFPA), que relatou os esforços para superar alguns desafios das assessorias para divulgação científica e atendimento à imprensa. A professora Sandra Gomes (UFRR) finalizou as palestras mostrando as mudanças no processo de comunicação com a implantação do novo site da instituição, seguindo os padrões do Governo Federal.

O professor Fábio Corniani (UFSB) compôs a mesa de experiências sobre mídias sociais, com abrangência do tema para utilização e criação da marca da universidade. O coordenador de comunicação Gilberto Todescato (CEFET/MG), relatou as transformações ocorrida com a utilização das mídias sociais para divulgar as ações do CEFET-MG, com uma linguagem direta, atrativa e que dialogasse com a jovem comunidade acadêmica.

encontro_ascom4

Mesa de experiências das universidades

A última mesa trouxe a apresentação do perfil diferenciado de três universidades. Robério Nery (UNILAB) e Carla Nascimento (UNILA) expuseram a vocação internacional de integração com outros países na oferta de vagas para ingresso e como atuar diante da diversidade de povos. A coordenadora Renata Freitas (UNIVASF) apresentou sua instituição com o processo de interiorização mais amadurecido e a existência de campi em três estados nordestinos. As mesas foram mediadas por Jandré Corrêa (FURG), José Zilmar (UFRN), Gabriel Pimentel (UFGD), professora Cristiane Venâncio (UFRRJ), Bruno Leal (UFSJ), Vitória Galvão (UFPE) e Aline Reinhardt (UNIPAMPA).

ecnontro_ascom6

Coordenadores de comunicação

Durante o evento também foi divulgado o resultado da pesquisa Perfil dos Setores de Comunicação das Instituições Federais de Ensino Superior, organizada pelo publicitário Robério Nery (UNILAB). O levantamento trouxe dados que auxiliarão na implantação de políticas públicas para os setores de comunicação das Universidades Federais e integrará o relatório final do encontro. Este relatório será formado por propostas decorrentes do encontro, e entregue à Andifes. A coordenação do evento contou com a participação de toda equipe de comunicação da UFOPA, sob a coordenação da relações públicas Karen Santos.

As apresentações feitas durante o encontro serão enviadas aos participantes.

Confiram mais fotos do Facebook da Andifes. https://business.facebook.com/Andifes

 

 

Texto: Andifes
Fotos: Luena Barros (UFOPA)

Compartilhar