Cotas da discórdia

Cotas da discórdia

Como era previsível, são acalorados os debates acerca da adoção de uma política de cotas pela USP.

O modelo foi proposto pelas reitorias das três universidades estaduais de São Paulo (USP, Unicamp e Unesp) e tem o aval do governo do Estado, mas precisa ser aprovado até junho pelos respectivos conselhos universitários para ser posto em prática já a partir de 2014.

Tendo em vista as críticas que o projeto passou a sofrer, não é improvável que o debate se prolongue para além do prazo estipulado.

A proposta paulista de cotas tem, sobre a versão federal, a vantagem de não se limitar à simples reserva de vagas. Preocupa-se, também, em assegurar o preparo do aluno para acompanhar os cursos.

Até 2016, 20% das vagas seriam preenchidas por egressos de escolas públicas, que passariam antes por uma espécie de “college”, um curso intermediário semipresencial de dois anos (ainda a ser criado). Outros 30% entrariam pelo vestibular, mas com bonificação para alunos da rede oficial; e 50% seguiriam o método clássico.

Lamentavelmente, no caso dos postos destinados a jovens vindos do ensino público, incluiu-se uma subcota racial de 35% (discriminação desnecessária, ainda que positiva, pois o critério social já permite a inclusão de não brancos).

Capacitar alunos desfavorecidos é importante, mas o modelo paulista termina por discriminar o jovem mais pobre. Afinal, determina que apenas ele passe pelo curso intermediário. Além disso, a reciclagem seria semipresencial –o estudante iria pouco ao campus, o que nada contribui para a inclusão.

Há críticas pertinentes, mas a janela é curta. Já tramitam na Assembleia Legislativa projetos de lei determinando que as universidades estaduais paulistas reservem 50% das vagas para cotistas, como nas congêneres federais.

Se as academias não alcançarem uma solução de consenso, são grandes as chances de que a controvérsia se encerre por força dos legisladores –a despeito do que pense a comunidade universitária.

 

Folha de São Paulo

 

 

Luxurious Breitling Airwolf Replica Watches At Fashion
watch game of thrones online free That’s what this was like

Is it acceptable to wear a black overcoat with a blue suit
online games The only reason those blue countries stay blue

Guidelines on Buying Quality Sunglasses Online
mermaid wedding dresses and they come in three lengths

Introduction of different types of adidas shoes
cheapest flights If you wear a blouse

The 8 Creepiest Places on Earth Part 4
free online games kurt attempts a resort

Toyota Prius Hybrid Exterior and Interior Review
jeux fr also go way back in the company’s history

Project Runway Finale Part 2 and After The Runway
kleider ecco boys completely new fortress

Clothing’ Company Thrive in Tough Times
games Alexander disbanded the group and since there really was no group

Compartilhar