Edital para ensino em saúde seleciona projetos

Edital para ensino em saúde seleciona projetos

A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), em parceria com a Secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde do Ministério da Saúde, divulgou na última sexta-feira (7/5) o edital que apresenta instruções para apresentação de projetos de apoio ao ensino e à pesquisa científica e tecnológica em ensino na saúde. As inscrições devem ser feitas até 21 de junho.

 

Dirigido a grupos de professores e pesquisadores de instituições brasileiras públicas e privadas, com programas de pós-graduação stricto sensu com nota mínima 4, o Pró-Ensino na Saúde tem por objetivo possibilitar a produção de pesquisas científicas e tecnológicas e a formação de mestres, doutores e estágio pós-doutoral na área do ensino na saúde contribuindo, assim, para desenvolver e consolidar esta área de formação, considerada estratégica para a consolidação do Sistema Único de Saúde (SUS).

 

Áreas temáticas

 

Serão priorizadas as seguintes áreas temáticas: gestão do ensino na saúde; currículo e processo ensino-aprendizagem na graduação e pós-graduação em saúde; avaliação no ensino na saúde; formação e desenvolvimento docente na saúde; integração universidades e serviços de saúde; políticas de integração entre saúde, educação, ciência e tecnologia; e tecnologias presenciais e a distância no ensino na saúde.

 

Benefícios

 

Entre os itens financiáveis estão bolsa no país, com prazo de implementação e duração vinculados ao de vigência do projeto, nas modalidades mestrado acadêmico, com duração máxima de 24 meses, com mensalidade de R$ 1.200; doutorado, com duração máxima de 48 meses, com mensalidade de R$ 1.800; e professor-visitante (nacional ou estrangeiro), com duração mínima de três meses e máxima de 12 meses, com mensalidade de R$ 3.300; passagens aéreas, para missões de estudos e de pesquisa e docência no país; diárias para missões de pesquisa e docência no país; despesas de custeio; e despesas de capital relacionadas às atividades do projeto.

 

Após analisadas, até 20 propostas serão selecionadas. O valor de financiamento de cada projeto deve ser de até R$ 220 mil por ano, incluindo todas as despesas (custeio, bolsas e capital), totalizando o máximo de R$ 820 mil por projeto. Cada proposta deverá apresentar projeto com duração máxima de quatro anos para o exercício orçamentário e cinco anos para a execução das atividades. Mais informações pelo telefone (61) 2022.6310 ou pelo e-mail cii@capes.gov.br

(Assessoria de Imprensa da Capes)

 

 

Compartilhar