Estudar, crescer, trabalhar

Estudar, crescer, trabalhar

Serão necessários muitos estudos, ainda, para aquilatar o resultado das ações afirmativas em universidades brasileiras. Os até aqui realizados não permitem conclusões sólidas sobre o benefício real obtido para jovens de baixa renda.

Considerem-se as dez universidades públicas retratadas em reportagem ontem nesta Folha. As políticas variam, das inaceitáveis cotas raciais a vagas ou bônus para egressos de escolas oficiais. Em quatro instituições (USP, Unicamp, UFMG e Uerj), a proporção de candidatos da rede pública caiu de 2004 a 2012, em vez de aumentar.
 
Há mais de uma hipótese para explicar tal dificuldade em recrutar os 85% de secundaristas formados no sistema estatal. Com o ensino de má qualidade recebido, o aluno pode achar que não tem chance de passar no vestibular.
 
Há quem aponte que lhe falta, também, informação sobre os diversos sistemas de incentivo. Não se pode desprezar, tampouco, o papel do ProUni, programa federal que desde 2005 contemplou mais de 1 milhão de estudantes com bolsas para faculdades privadas.
 
É na rede particular que se deu a maior parte da expansão do ensino superior. De 7 milhões de estudantes universitários, 5 milhões estão em faculdades privadas.
 
O aquecimento do mercado de trabalho é outra explicação. Há 20 milhões de empregos para quem tem só o ensino médio completo, contra 7,6 milhões de formação universitária, e as vagas do primeiro tipo crescem mais rapidamente.
 
Sendo assim, não parece implausível que muitos jovens escolham entrar diretamente no mundo do trabalho. Ou, então, que optem pelo ProUni e pelas universidades particulares, com sua flexibilidade para oferecer cursos de corte mais profissional que acadêmico.
 
A busca por trabalhadores qualificados também motivou a criação de 2,5 milhões de vagas de ensino técnico pelo governo federal –68% das quais, contudo, em cursos de curtíssima duração (160 horas). O ensino superior pode não ser o mais adequado para todos os jovens, mas não será com uma formação improvisada que eles se realizarão como profissionais.
 
Editorial Folha de São Paulo
 
 
Tips to Find Baby Phat Clothing in wholesale prices
watch game of thrones online free Your shorts should hit about an inch above the knee any shorter

What is Men’s leather sex glove
free games online models like 5119 Fuchsia

How to Dress for a Short Body Type
games online un deux trois fashion designer apparel for people with fun discernment

Coach Handbags for the Fashionable
mermaid wedding dresses Fashion Summer Camps for Teens

5 Goals Market in Football
cheap flights push your chest up slightly

Menswear Business Trend For Women
free online games Kathy is married

A Folding Walking Stick Offers Fashion and Function
jeux how to make simple a bubble dress

Tim Gunn talks Kate Gosselin
miniclip daguerreotype images the old-fashioned manner by which

Compartilhar