Francisco Soares deixa presidência do Inep, órgão que aplica o Enem

Francisco Soares deixa presidência do Inep, órgão que aplica o Enem

Educador pediu nesta terça demissão do cargo que ocupava desde 2014

RIO – O presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Francisco Soares, pediu demissão nesta terça-feira (1), após dois anos no cargo. Vinculado ao Ministério da Educação, o órgão é responsável por organzar e aplicar o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, aceitou o pedido demissão. De acordo com o Inep, Soares alegou motivos pessoas para pedir o desligamento. “Mercadante agradeceu o trabalho desempenhado por Soares à frente do Inep nos últimos dois anos. O novo nome para presidir a autarquia será anunciado nos próximos dias”, diz um comunicado enviado pelo órgão.

Professor titular aposentado da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Soares tem pós-doutorado em Educação pela Universidade de Michigan Ann Arbor (2002) e mestrado em Estatística pelo Instituto de Matemática Pura e Aplicada (1977). Ele também é doutor em Estatística pela Universidade de Wisconsin – Madison (1981).

Antes de assumir a presidência do Inep, o educador foi membro do Conselho Nacional de Educação e do Conselho de Governança do Movimento “Todos pela Educação”. Na área de avaliação educacional, foi membro de comitês consultivos do Inep e do Instituto Nacional de Evaluation Educativa do México (INEE). Foi o primeiro presidente eleito da Associação Brasileira de Avaliação Educacional (ABAVE), onde continua a integrar o seu comitê científico. Em 2011, foi escolhido pela ABAVE para homenagem especial. Em 2012, recebeu prêmio Bunge por suas contribuições na área de avaliação educacional.

O Globo

Compartilhar