FURG participa de encontro entre universidades brasileiras e libanesas

Estreitar as relações acadêmicas entre universidades do Brasil e do Líbano. Foi este o principal objetivo alcançado pelo vice-reitor da FURG, Danilo Giroldo, em sua missão na capital libanesa, entre os dias 16 e 18 de maio. O professor representou a universidade no 1º Encontro de Reitores Brasil-Líbano (Brazil-Lebanon Meeting of Universities Representatives), realizado no Centro Cultural do Brasil-Líbano e na Universidade Saint-Esprit de Kaslik (USEK), em Beirute.

A missão foi organizada pelo Grupo Coimbra de Universidades Brasileiras (GCUB) em parceria com a Embaixada do Brasil no Líbano. Entre as decisões acertadas durante o encontro está a realização de uma sessão acadêmica dentro da próxima edição do Congresso da Diáspora Libanesa, um encontro comercial que ocorre a cada dois anos no Brasil.

Em Beirute, o vice-reitor participou da mesa-redonda “Environment and Culture”, onde abordou os desafios do meio ambiente no Brasil. A professora Magda Bou Dagher, da Universidade de Saint Joseph, no Líbano, versou sobre o mesmo tema, porém considerando a realidade de seu país. Em seguida, o professor Giroldo participou da mesa-redonda “Closing Remarks: Perspective on Future Projects Between Lebanese and Brazilian Universities”, ao lado da professora Tamara Elzein, da National Council for Scientific Research (CNRS-L), e do embaixador do Brasil no Líbano, Thiago Oliveira.

Na avaliação do vice-reitor da FURG, a missão “foi excelente. Tivemos uma boa compreensão do sistema de funcionamento e de regulação do ensino superior no Líbano, bem como suas melhores universidades. Ficou bastante evidente o interesse na cooperação, e de que maneira o Brasil pode ser importante nessa colaboração”. Ainda segundo o professor Giroldo, os libaneses querem aprofundar a cooperação com o Brasil, com foco voltado a temas como “o desenvolvimento das ciências sociais e aplicadas, agricultura e do meio ambiente, especialmente as ciências do mar”.

Compartilhe: