HU-UNIFAP recebe instalações de tanques de oxigênio para Centro COVID-19

HU-UNIFAP recebe instalações de tanques de oxigênio para Centro COVID-19

 

O Hospital Universitário foi cedido ao Executivo para instalação de um Centro COVID-19.

O bloco 1 do Hospital Universitário (HU-UNIFAP) foi cedido ao Governo do Amapá para instalação de leitos de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) e enfermagem para atendimento aos pacientes acometidos pela COVID-19. No último boletim epidemiológico, do Centro de Operações de Emergência em Saúde Pública (COESP), o Estado registra 5.655 casos confirmados e 157 mortes em 15 municípios.

Na sexta-feira, 22 de maio, foram instalados os tanques de oxigênio e nitrogênio.

Processo de instalação dos tanques de oxigênio e nitrogênio. Fotos: Divulgação: HU-UNIFAP.

Instalação dos equipamentos

No sábado, 16 de maio, o  Ministério Público Federal (MPF) requisitou à Secretaria de Saúde do Estado do Amapá (Sesa) para apresentar, em 48 horas, o Plano de Ação para uso do Hospital Universitário (HU) para atendimento a pacientes em tratamento da COVID-19. “No Plano de Ação a ser apresentado, o MPF quer que a Sesa informe a quantidade de leitos que serão disponibilizados no HU, o cronograma de instalação desses leitos, bem como preste informações sobre os profissionais de saúde que irão atuar na unidade (quantidade e como serão contratados ou realocados)

O Termo de Cessão de Uso dos espaços do Hospital Universitário (HU) foi assinado, em 8 de maio, pelo reitor da Universidade Federal do Amapá (UNIFAP), Prof. Dr. Júlio Sá, e o governador do Estado do Amapá, Waldez Góes.

A cláusula terceira do Termo de Cessão traz as obrigações que cabem ao Governo do Estado. Entre elas, está arcar com custos relativos à instalação e aquisição de equipamentos; suprimentos, reparos, reposição de materiais, disponibilização de Equipamentos de Proteção Individual (EPI’s), gerenciamento dos resíduos de saúde, fornecimento dos gases medicinais, esgotamento de fossas, contas de energia e água, locação de grupo gerador, limpeza e vigilância presencial e sanitária; geração, controle e gestão de informações de toda operacionalização”.

De acordo com item 6, do Termo de Cessão, a UNIFAP disponibiliza o espaço (Bloco I) e o Governo do Amapá assume e se responsabiliza com todo o funcionamento, bem como “no tocante à gestão administrativa e hospitalar, pessoal técnico e manutenção geral”.

A data de início dos atendimentos de saúde no HU/UNIFAP será definida pelo Governo local, responsável por todo o funcionamento do espaço cedido, como pela contratação de profissionais da saúde, entre médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e fisioterapeutas.

O documento, na íntegra, pode ser acessado no LINK.

 

Compartilhar