Jovens Cientistas recebem prêmios das mãos da Presidenta Dilma Rousseff

Jovens Cientistas recebem prêmios das mãos da Presidenta Dilma Rousseff

Neste ano, iniciativa reconhece soluções para a melhor gestão da água

Estudantes e pesquisadores que venceram o XXVII Prêmio Jovem Cientista recebem na manhã desta segunda-feira (16/12), no Palácio do Planalto, as premiações por seus projetos de pesquisa. Esta edição abordou o tema Água: desafios da sociedade. Os vencedores vêm dos estados do Rio Grande do Norte, Pará, Minas Gerais, Ceará, São Paulo, Paraná e Rio Grande do Sul, representando os vários sotaques da Ciência no Brasil.

A escolha do tema reflete uma preocupação mundial com a conservação e o uso eficiente da água, que se torna cada vez mais ameaçada pelo desperdício e a poluição. Pensando nisso, o Prêmio Jovem Cientista incentivou o desenvolvimento de projetos relacionados ao aprimoramento da gestão de bacias hidrográficas; a tecnologias de tratamento e reúso da água, incluindo a dessalinização; ao uso da água para geração de energia; à melhoria do acesso e qualidade das águas em benefício da saúde pública, dentre outras linhas de pesquisa inovadoras.

Em 2013, o Prêmio bateu um novo recorde de inscrições: foram 3.226 trabalhos. Para envolver jovens estudantes na investigação científica e apoiar professores do ensino médio interessados em participar desta iniciativa, o Prêmio produziu e ofereceu gratuitamente kits pedagógicos sobre a água. Também promoveu 34 oficinas, ministradas por educadores formados especialmente para essa função, que foram realizadas em 13 estados brasileiros, com o objetivo de orientar professores e estudantes do ensino médio a realizar seus projetos científicos.

O Prêmio Jovem Cientista é uma iniciativa do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), em parceria com a Fundação Roberto Marinho, a Gerdau e a GE e, neste ano, concedeu mais de R$700 mil em prêmios, além de bolsas de estudo do CNPq.

SOBRE O PRÊMIO JOVEM CIENTISTA

 O Prêmio Jovem Cientista é uma iniciativa do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), em parceria com a Fundação Roberto Marinho, a Gerdau e a GE. Quatro categorias são premiadas: Mestre e Doutor, Estudante do Ensino Superior, Estudante do Ensino Médio e Mérito Institucional. Há ainda um prêmio de Mérito Científico para um pesquisador doutor que, em sua trajetória, tenha se destacado na área relacionada ao tema da edição. Os orientadores das três categorias principais e as escolas dos três classificados do Ensino Médio são agraciados com laptops, como forma de estimular e reconhecer a cadeia de aprendizagem.

 Na categoria Mérito Institucional são premiadas as duas instituições – uma do ensino médio e outra do ensino superior – às quais estiver vinculado o maior número de trabalhos, com mérito científico, inscritos nas categorias Mestre e Doutor, Estudante do Ensino Superior e Estudante do Ensino Médio.

 Premiações – São mais de R$ 700 mil em prêmios, além das bolsas de estudo concedidas pelo CNPq.

 Na categoria Mestre e Doutor, os vencedores são agraciados com R$ 30 mil (1º lugar); R$ 20 mil (2º lugar) e R$ 15 mil (3º lugar). Para Estudantes do Ensino Superior, os valores são de R$ 15 mil (1º lugar), R$ 12 mil (2º lugar) e R$ 10 mil (3º lugar). Estudantes do Ensino Médio classificados em 1º, 2º e 3º lugares ganham modernos laptops.  No Mérito Institucional, serão pagos R$ 35 mil para cada uma das duas instituições. O pesquisador indicado para receber o Mérito Científico receberá R$ 20 mil.

 O CNPq concede bolsas de estudo desde a iniciação científica até o pós-doutorado.  Os vencedores receberão os prêmios no Palácio do Planalto, no mês de dezembro. Os primeiros lugares de cada categoria participam ainda da reunião anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência que, em 2014, acontece em Rio Branco, no estado do Acre.

Histórico – Criado em 1981, o Prêmio Jovem Cientista tem o objetivo de incentivar a pesquisa e a inovação no País e é considerado um dos mais importantes reconhecimentos aos cientistas brasileiros. A entrega da premiação é feita pelo Presidente da República, em cerimônia que reúne parceiros, educadores e expoentes da ciência e tecnologia.

 Os temas escolhidos a cada edição buscam soluções viáveis e acessíveis para os desafios da sociedade brasileira. Entre os assuntos abordados em edições anteriores estão “Saúde da população e controle de endemias”, “Oceanos: fonte de alimentos”, “Cidades Sustentáveis” e “Inovação Tecnológica nos Esportes”.

 Divulgação – O CNPq realizou lançamentos do Prêmio nas cinco regiões do país, e notadamente no Nordeste, por ocasião da 65ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), que em 2013 aconteceu na Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Além disso, o PJC também foi promovido durante visitas a Secretarias de Educação, escolas técnicas e do ensino médio, universidades e Fundações de Amparo à Pesquisa, com a participação de gestores estaduais de Ciência, Tecnologia, Inovação, Meio Ambiente, Educação e Recursos Hídricos.

 

Mais informações: Fundação Roberto Marinho / Approach

Just got my 1st lead
watch game of thrones online free go for one that has acetone to decrease your exposure time

2010 Personal Tax Deductions Canada
free games online How to Sell Your Fashion Idea

How to Draw Body Sketches When Fashion Designing
online games what will he do to Lirin

Gilt Groupe sales this week
forever21 intend to look tights in such a garments

Alternatives to Using a Relaxer
onlinegames The Gate For the Love of God

Make Women Stand Out of the Ordinary
games teenage boy fashions

Make an Amy Winehouse Costume
kleider It is a very short article providing little or no context

what do you think about this suit
cool math games Platonic friendships are most common in early adolescence

Compartilhar