Lançamento do livro dos professores da UFRR e UFSJ

Lançamento do livro dos professores da UFRR e UFSJ

Lançamento do livro “Tom regional: a voz dos filhos da terra” organizado pelos professores Roni Petterson (UFRR) e Filomena Bomfim (UFSJ)

O evento será nessa sexta-feira dia  17 de junho, às 18h30, no Auditório Alexandre Borges (UFRR) campus Paricarana, juntamente com a palestra da professora Filomena Bomfim, sobre “Jornalismo Regional: o tom da cidadania”. Com experiência prática em jornalismo, ela já trabalhou na BBC de Londres e no jornal Estado de Minas, dentre outros.

Direcionado para professores, acadêmicos, comunicadores e interessados em Jornalismo. O livro serve como referência para que as pessoas tenham noção do estágio da Comunicação Social no Brasil e possam descobrir a significação dos processos de comunicação regional. O livro conta com a participação de graduandos e egressos do curso de Comunicação Social – Jornalismo da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC Minas) do campus Arcos.

14 artigos fazem parte da obra escritas por jovens pesquisadores que formaram o Grupo Comunicacional de Arcos. O livro foi lançado em outubro de 2010 na cidade de São João del-Rei-MG e neste ano os professores organizadores decidiram fazer o lançamento em Boa Vista pelo fato que um dos organizadores é professor da UFRR e também pelas linhas de pesquisa existentes no curso de Comunicação Social – Jornalismo- da UFRR, e o jornalismo realizado no mercado de Boa Vista.

Cátedra da Unesco
O livro recebe apoio de articulação para exposição de eventos da Cátedra da Unesco de Comunicação para o Desenvolvimento Regional.
A Cátedra, cuja instituição responsável no Brasil é a Universidade Metodista de São Paulo (UMESP), objetiva, dentre outras coisas, atender prioritariamente ao conhecimento produzido pela Escola Latino-Americana de Comunicação e disseminá-lo nas universidades brasileiras, de modo a estimular a experimentação de novos modelos comunicacionais sintonizados com as demandas da sociedade neste período de sedimentação da democracia representativa.

José Marques de Melo
O livro é prefaciado pelo jornalista e pesquisador José Marques de Melo, um dos nomes mais importantes do jornalismo brasileiro.
Melo é jornalista, professor universitário, pesquisador científico e consultor acadêmico. Obteve os títulos de Bacharel em Jornalismo (Universidade Católica de Pernambuco, 1964), Bacharel em Ciências Jurídicas e Sociais (Universidade Federal de Pernambuco, 1965) e Pós-Graduado em Ciências da Informação Coletiva (Centro Internacional de Estudos Superiores de Comunicação para a América Latina, Quito, Equador, 1966).
Começou a trabalhar como jornalista, em 1959, integrando as equipes dos jornais Gazeta de Alagoas e Jornal de Alagoas (Maceió), atuando depois no Jornal do Commércio e Última Hora – Nordeste (Recife), A Gazeta e O São Paulo (São Paulo) e Revista de Cultura Vozes (Petrópolis, RJ). Colaborou ainda como articulista dos jornais O Estado de S.Paulo, Folha de S.Paulo, Correio Braziliense (Brasília), Zero Hora (Porto Alegre), Diário do Grande ABC (São Paulo), Diário de Pernambuco (Recife) e A Tarde (Salvador).
Iniciou a carreira acadêmica em 1966 como Assistente do Professor Luiz Beltrão, no Instituto de Ciências da Informação da Universidade Católica de Pernambuco (Recife), transferindo-se logo em seguida para São Paulo.
Coordenou várias coletâneas e publicou mais de duas centenas de artigos em periódicos científicos, nacionais e estrangeiros, bem como em jornais e revistas de grande circulação no Brasil e América Latina.
Foi agraciado com as seguintes distinções honoríficas: Prêmio Wayne Danielson de Ciências da Comunicação – University of Texas (Austin, USA), Medalha Rui Barbosa do Ministério da Cultura (Rio de Janeiro), Professor Honoris da Universidade Católica de Santos (São Paulo), Presidente de Honra da Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação, Professor Emérito da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo.

Compartilhar