Livro sobre a necessidade da transformação da prática do professor é lançamento da EdUFMT em Rondonópolis

Livro sobre a necessidade da transformação da prática do professor é lançamento da EdUFMT em Rondonópolis

A prática pedagógica é o tema central da nova obra da professora e pesquisadora Wilse Arena da Costa. “Os professores como agentes transformadores de sua própria prática – Um desafio (urgente e necessário) a enfrentar” foi lançado na terça-feira (08) na Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), Câmpus de Rondonópolis, onde Wilse lecionou por 21 anos.

O tema é uma preocupação recorrente nas pesquisas e em outros livros da autora como “A construção social do bom professor” e “50 sugestões didático-pedagógicas para o ensino da leitura e da escrita em sala de aula”. Para ela é necessária uma reflexão crítica do pensar e da motivação do fazer pedagógico.  “O momento, a atualidade está em uma transformação desenfreada que traz mudanças ímpares no nosso cotidiano pessoal e profissional. É preciso uma mudança de perspectiva no olhar”, salienta Wilse.

A obra é baseada na tese de doutorado da autora, defendida em 2003, e foi editada pela Editora da Univeridade Federal de Mato Grosso (EdUFMT) com o apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Mato Grosso (Fapemat). No livro Wilse conta o passo a passo da sua pesquisa. Fala dos limites que encontrou, daquilo que não conseguiu fazer e ainda aponta o que pode ser feito.

Bastante dinâmica, apesar de estar aposentada da sala de aula, não para de produzir e já está com outro livro praticamente pronto. Ela selecionou cerca de 60 artigos publicados no jornal “A Tribuna”, de Rondonópolis, e deve lançar a obra já em 2016. Além disso, já está com ideias para outra produção. Ela quer se aventurar em outro gênero literário, mas ainda mantém segredo sobre a publicação.

Presente no lançamento da obra, o pró-reitor do Câmpus de Rondonópolis, Javert Melo Vieira, lembrou que foi professor da escritora ainda em seu primeiro ano do curso de Pedagogia.  Salientou que ela é um exemplo, “mesmo afastada das atividades não aposentou a cabeça”. Ele também agradeceu pela professora ter escolhido a UFMT  para fazer o lançamento do livro.

Wilse também é membro-fundadora da Academia Rondopolitana de Letras (ARL) e contou com as presenças do presidente e do vice-presidente da ARL no evento, além de outros escritores, amigos e familiares.

ASCOM – Universidade Federal do Mato Grosso

Compartilhar