MEC defende autonomia

MEC defende autonomia

O Ministério da Educação (MEC) defende a autonomia das universidades na escolha de critérios de seleção de novos alunos por meio do Sisu.

Na terça-feira (26), após ser questionado pelo G1 sobre o fato de a UFF ter divulgado nota afirmando que aguardava orientações do MEC, o ministro Aloizio Mercadante se limitou a reafirmar a posição da pasta sobre a “autonomia” universitária e disse que decisões judiciais devem ser cumpridas.

“É uma decisão da universidade. Ela tem autonomia para estabelecer suas políticas”, disse. “Agora, decisão judicial se cumpre. Vamos aguardar decisão da Justiça se houver recurso”, afirmou o ministro sobre a decisão da UFF.

G1

Compartilhar