Ministro visita laboratório da UFC e anuncia apoio a pesquisas em tecnologia 5G

Ministro visita laboratório da UFC e anuncia apoio a pesquisas em tecnologia 5G

Na manhã desta sexta-feira (6), o ministro das Comunicações, André Figueiredo, foi recebido em visita institucional ao Grupo de Pesquisa em Telecomunicações Sem Fio (Gtel) da Universidade Federal do Ceará (UFC), no Campus do Pici Prof. Prisco Bezerra. O fundador do laboratório, Prof. Rodrigo Porto, e o diretor do Centro de Tecnologia, Prof. Carlos Almir Monteiro de Holanda, mostraram as instalações e projetos do Grupo, como o método de transmissão direta entre aparelhos eletrônicos, o D2D (device-to-device). “O Gtel tem pesquisas relacionadas à Internet das coisas, onde a tecnologia 5G avança rapidamente”, afirmou o ministro.

Em outubro, junto à comitiva da presidente Dilma Rousseff, que visitou a sede da multinacional Ericsson na Suécia, o ministro conheceu as pesquisas em telefonia móvel de quinta geração em desenvolvimento. O CEO da empresa, Hans Vestberg, anunciou o início de testes no Brasil destas inovações no próximo ano.

Também neste encontro, Figueiredo soube que a UFC possui um dos centros de pesquisa mais avançados na área, o que motivou a vinda ao Gtel. “É motivo de muita honra este trabalho consolidado”, elogiou.

O ministro citou que a telefonia 5G tem comercialização prevista para 2020, e prometeu buscar recursos através do Fundo para o Desenvolvimento Tecnológico das Telecomunicações (Funttel) para o avanço destes estudos. “Queremos ser parceiros do Gtel e buscar recursos e parcerias para fazer do Ceará um pólo de inovação”, anunciou André Figueiredo.

O fundador do Gtel e professor do Departamento de Teleinformática da UFC, Rodrigo Porto, avalia a cooperação entre a UFC e a multinacional como “uma das mais bem-sucedidas e duradouras em todo o País, no contexto universidade-empresa”. A equipe do laboratório é formada por engenheiros, professores e alunos de Engenharia e de Computação da UFC. Para o professor, um dos principais resultados da parceria é a “formação de alunos de graduação e pós-graduação com elevado nível de conhecimento técnico obtido nas atividades dos projetos e nos estágios feitos na Suécia”, destaca.

Coordenação do Grupo de Pesquisa em Telecomunicações sem Fio (Gtel) da UFC

Foto: Divulgação-Centro de Tecnologia

Compartilhar