Museu Nacional/UFRJ comemora aniversário com ciência, história e cultura

Museu Nacional/UFRJ comemora aniversário com ciência, história e cultura

Já começaram os preparativos para os 191 anos do Museu Nacional/UFRJ. O evento, que já se tornou tradicional na agenda cultural da cidade, acontecerá nos dias 19, 20 e 21 de junho, na Quinta da Boa Vista, em uma área de mais de mil metros quadrados. As atividades, como oficinas, mostras, visitas guiadas e apresentações culturais, são voltadas especialmente para crianças e adolescentes, mas conquistam pessoas de todas as idades.

Logo na abertura, dia 19, a apresentação da “Tamborzada”, com a Cia Folclórica da UFRJ, promete dar o tom da festa. Atividades físicas ao ar livre e os já tradicionais personagens históricos completam o evento, que é totalmente gratuito.

Escavações arqueológicas, observação em lupas, planetário inflável e exposição de fósseis pré-históricos são algumas das atrações que pretendem criar um universo de cultura e ciência dentro de uma tenda montada no Parque da Quinta da Boa Vista.

Exemplares vivos de animais que vivem em oceano profundo, as aranhas mais curiosas e até mesmo meteoritos compõem o cenário de uma grande viagem pelas pesquisas realizadas no Museu.

As cerca de 30 mil pessoas que visitam o evento todos os anos poderão praticar oficinas ao ar livre, como a Corrida de Orientação, Ginástica Artística, Muro de Escalada e o Surf no Seco.

E, como acontece em todas as edições, uma apresentação cultural abre o evento na sexta. A “Tamborzada” é uma mistura de danças e ritmos de percussão brasileiros, que deve contagiar o público, promovendo uma grande celebração do folclore nacional. Os 45 integrantes do grupo apresentarão as influências africanas, árabes e indígenas na música brasileira.

Não podiam ficar de fora dessa festa os ilustres moradores do Palácio: D. João VI, D. Maria e D. Carlota Joaquina, além de escravos, assessores e comerciantes, representados por atores, que transportarão o público para os tempos da corte no Brasil.

Também farão parte das comemorações o Instituto Vital Brazil, o Observatório Nacional, a Fundação Rio Zôo, o Museu de Astronomia com seu planetário inflável, o Museu Militar Conde de Linhares e a Universidade Veiga de Almeida.

Sobre o Museu Nacional

Sediada no Paço Imperial de São Cristóvão, antiga residência da família real e imperial brasileira, o Museu foi a primeira instituição científica do país e, atualmente, é detentora do maior acervo de História Natural e de Antropologia da América Latina.

É um espaço de excelência onde se conjuga memória, educação, cultura e ciência. Constitui-se num centro de intensa produção acadêmica nas áreas de Antropologia, Botânica, Geologia/Paleontologia, Entomologia, Invertebrados e Vertebrados.

Programação:

Atividades:

19, 20 e 21 de junho das 10 às 16h

Exposições e Oficinas (entre 10 e 16h em tenda montada na Quinta da Boa Vista)
– Arte rupestre e escavação
– Astronomia na Bandeira do Brasil
– Biblioteca do Museu Nacional / UFRJ
– Biodiversidade de Aracnídeos e Miriápodes do Brasil
– Brincando com os Paleontólogos
– Brincando de Matemático
– Ciência até os ossos
– Conheça o passado do Museu Nacional /UFRJ
– Conhecendo a restinga de Maricá
– Conhecendo as espécies do Parque Nacional da Restinga de Jurubatiba
– Conhecendo os Equinodermos
– Decorando o Ataúde
– Do macro ao micro: o que os restos vegetais nos contam
– Esponjas na América do Sul
– Fósseis, rochas e minerais da Itália
– Insetos encontrados em casa
– Mostra de Paleoarte
– Mostra do Jardim Zoológico
– Mostra de Ictiologia do Museu Nacional / UFRJ
– Observatório Nacional: 182 anos! Pesquisa e Desenvolvimento servindo ao Brasil
– Os besouros e Darwin
– Planetário Inflável
– Plantas: além do que seus olhos podem ver
– Preservação Ambiental – Importância de áreas de conservação
– Tem um ET em seu quintal?
– Você sabia que no mel tem pólen?

Oficinas ao ar livre
– Atletismo
– Calango – Muro de Escalada
– Corrida de Orientação
– Folclorear
– Ginástica Artística
– O Corpo sob Medida
– Portas abertas para o Corpo
– Surf no seco

Visitas guiadas (grupos em horários fixos e com vagas limitadas)
– A Quinta da Boa Vista Revisitada
– Visita guiada à exposição de Paleontologia
– Visita guiada ao Palácio de São Cristóvão
– Visita guiada às Coleções Imperiais

Contação de História
– A conquista da Terra: aprendendo com Darwin a história da evolução das plantas

Atividades Culturais
– “Tamborzada”, com a Cia. Folclórica da UFRJ

Mais informações pelo fone: (21) 2562-6042.

Site: http://www.museunacional.ufrj.br
(Informações da Assessoria de Comunicação do Museu Nacional/UFRJ)

 

Compartilhar