‘Nova esperança’: viagem inaugural do Navio Abaré em 2018 atende comunidades do Tapará

‘Nova esperança’: viagem inaugural do Navio Abaré em 2018 atende comunidades do Tapará

Navio Abaré volta às atividades hospitalares após dois anos sem atendimentos às comunidades

Navio Hospital atenderá os ribeirinhos de Santarém, Belterra e Aveiro. Viagem inaugural pela gestão da Ufopa vai ser para a região do Tapará.

As comunidades ribeirinhas de Santarém, Belterra e Aveiro, no Oeste do Pará, voltarão a receber atendimentos hospitalares no navio-hospital Abaré I. Nesta quinta-feira (8) ocorreu a viagem inaugural da embarcação sobre a gestão da Universidade Federal do Oeste do Pará (Ufopa). Os moradores de cinco comunidades da região Tapará serão os primeiros beneficiados.

A universidade passou a gerir o navio-hospital em agosto de 2017, quando foi assinado o termo de doação pela ONG holandesa Terrde Hommes. A Ufopa iniciou o processo para assumir a gestão do navio no ano de 2013, após um acordo firmado em Brasília, pelo Ministério da Saúde.

A questão do repasse do navio à Ufopa vinha sendo discutida desde quando a ONG anunciou que encerraria suas atividades no Brasil e que levaria o barco para outro país, o que foi freado pela justiça brasileira, que, por meio de uma liminar, impediu a retirada do Abaré de Santarém.

Durante esses meses a universidade buscou recursos para manutenção da embarcação e apoio de parcerias. De acordo com a reitora da Ufopa, Raimunda Monteiro, em fevereiro deste ano foi aprovado no planejamento orçamentário recursos que garantem a base de funcionamento do Abaré. “Ainda assim estamos na expectativa de parcerias para ajudar nessa manutenção”, disse.

A viagem inaugural ofertará atendimentos de atenção básica de saúde, procedimentos odontológicos, consultas com clínico geral e exames laboratoriais básicos. Já foi estabelecido o calendário de atendimento deste ano.

Veja o vídeo

Compartilhar