Núcleo de Estudos da Terceira Idade da UFSC abre inscrições até 6 de agosto para várias atividades

Núcleo de Estudos da Terceira Idade da UFSC abre inscrições até 6 de agosto para várias atividades

A população idosa brasileira dobrou nos últimos 50 anos, passando de 4% em 1940 para 8,6% em 2000. Segundo projeções, esse contingente poderá representar 15% no ano 2020, semelhante ao que acontece atualmente nos países desenvolvidos. Em Santa Catarina, dados do IBGE e do Banco de Dados do Sistema Único de Saúde (Datasus 2009) mostram que a população idosa já representa 10%, com um total de 633.510 pessoas.

“A população brasileira transformou-se de jovem para adulta e tende ao envelhecimento rápido nos próximos 20 anos”, confirma a coordenadora do Núcleo de Estudos da Terceira da UFSC, Ângela Maria Alvarez, professora do Departamento de Enfermagem.

Ângela lembra que apesar de ser um ganho para a humanidade, a expectativa de vida também acarreta problemas complexos para áreas sociais e de saúde. A sociedade se vê diante de um contingente de pessoas suscetíveis a doenças crônico-degenerativas e a problemas socioeconômicos, que contribuem para aumentar o risco de dependência física e social.

“Esse rápido crescimento exige políticas de atenção aos idosos”, considera a coordenadora. Por meio do NETI, lembra, a UFSC busca colaborar com a qualidade de vida de pessoas com mais de 50 anos, oferecendo uma série de atividades. Entre elas, o Curso de Formação de Monitores da Ação Gerontológica, que qualifica pessoas idosas para atuarem como voluntários nas comunidades da Grande Florianópolis. Desde 1991, mais de 800 alunos (em 35 turmas) se formaram e, destes, cerca de 40% estão trabalhando em creches, asilos e em projetos sociais mantidos pelo Estado e prefeituras.

“Assim estes idosos mediam o seu processo de envelhecimento, crescem e superam os preconceitos”, destaca a supervisora do curso, Maria Cecília Godtsfreidt. Segundo ela, cerca de 40 pessoas são formadas a cada semestre.

As inscrições podem ser feitas até o dia 6 de agosto, no próprio núcleo. As aulas serão às segundas e quartas-feiras, das 14h às 16h, em salas do Centro Sócio-econômico (CSE). No dia 10 de agosto, haverá a aula inaugural e uma exposição de trabalhos dos gestores na Reitoria da UFSC.

Outras atividades com inscrições abertas no Núcleo de Estudos da Terceira Idade:

– Grupo de Encontro;
– Conversação Espanhol;
– Oficina de Teatro;
– Esperanto;
– Curso de Leitura e Escrita.

Mais informações: (48) 3721-9445 e 3721-9909.

Compartilhar