Presidente da Andifes, reitor Jesualdo Pereira Farias, fala da aprovação do PNE

Presidente da Andifes, reitor Jesualdo Pereira Farias, fala da aprovação do PNE

O Plano Nacional de Educação (PNE) foi aprovado pelo Congresso e estabelece 20 metas a serem cumpridas nos próximos dez anos. O texto aguarda sanção da presidenta Dilma Rousseff, e após o ato, estados e municípios terão prazo de um ano para elaborar seus respectivos planos de educação, tendo como base o texto federal.

1)     O PNE foi aprovado e a Agenda de desenvolvimento para as Universidades Federais¸ construída pela Andifes, foi traçada já dentro das metas do plano.  O que podemos esperar para o ensino superior público federal?

R – Espera-se para os próximos dez anos um aumento da oferta de ensino superior pelas Universidades Federais. A recente experiência da expansão com os novos campi e com o REUNI credencia estas instituições a protagonizarem este novo processo de expansão decorrente das metas estabelecidas no PNE. A Agenda de Desenvolvimento para as Universidades Federais foi apresentada à presidente Dilma Rousseff e contempla uma série de ações para a próxima década, respeitando a cultura e a maturidade de cada instituição. No conjunto, o sistema poderá contribuir com a expansão da graduação, da pós-graduação, com o fortalecimento da pesquisa em áreas prioritárias para o desenvolvimento do país, com forte impacto no desenvolvimento regional e nacional. 

2)    O Plano estabelece o aumento de matrículas na educação superior (meta 12) e de matrículas na pós-graduação (meta 14). Como as Universidades Federais estão preparadas para a demanda?

            As Universidades Federais continuam em pleno processo de consolidação da expansão decorrente do REUNI. Durante a discussão e votação do PNE na Câmara e no Senado, foram criadas quatro novas Universidades Federais e dezenas de novos campi foram também criados. São novos cursos de graduação e de pós-graduação em funcionamento e que abrigam um corpo docente altamente qualificado para impulsionar a pesquisa e fortalecer a qualidade das novas instituições. Há um forte e progressivo crescimento da oferta de cursos através de Educação a Distância. Esta ferramenta certamente contribuirá muito, neste novo momento de expansão, para a oferta de cursos principalmente voltados para a formação de professores.

A pós-graduação está em franca expansão para atender as demandas dos novos Campi e das Universidades Federais já consolidadas. A nossa contribuição para estas duas metas estará contemplada no detalhamento do projeto de cada universidade no âmbito da Agenda de Desenvolvimento para as Universidades Federais. Este detalhamento deverá ser iniciado imediatamente após a definição de um orçamento para o projeto.

3)    Metas que se relacionam com outras etapas de ensino também dizem respeito as universidades, principalmente a que trata da formação de professores da educação básica. O que projeta a Andifes sobre este desafio?

 A Andifes já realizou vários debates sobre o papel das Universidades Federais na formação de professores para a educação básica. Trata-se de um dos eixos estruturantes da Agenda apresentada à presidenta Dilma. Não há como tratar de um projeto de melhoria da educação no país sem incluir as contribuições para a melhoria do ensino básico. A Andifes defende um projeto de educação que contemple todas as etapas que vão da educação infantil até a pós-graduação.

4)    Com a destinação dos 10% do PIB em educação os investimentos na área vão aumentar. Onde esse dinheiro pode ser investido nas universidades? Existe programa prioritário?  

            O programa prioritário é a melhoria da educação em todos os níveis. Daí decorrem várias ações que vão desde a valorização do profissional da área de educação até a melhoria da infraestrutura de todas as unidades de educação do país. É difícil falar em prioridade quando se tem um grande desafio pela frente. Formar mais professores, construir mais creches, construir mais escolas em tempo integral, intensificar a formação técnica profissional, capacitar os profissionais que atuam no sistema, investir em TI para todas as regiões do país, investir em tecnologias assistivas, em tecnologias modernas de educação a distância, além, naturalmente, de fortalecer o papel das universidades como entes de transformação social a partir da educação, da ciência, da tecnologia, da inovação, das artes, do esporte, da cultura, enfim daquilo que é a razão natural da sua existência.

Ascom Andifes

Save on Hamrick’s spring fashions through Saturday
free games online Stir often as the wax melts

Buy a cheap suit or thrift one and tailor it
mermaid wedding dresses The second Genshiken OVA

Two Actors Out of SMALLVILLE S8
cheapest flights including a once in a lifetime grand prize

J K Barbeque mobile Carolina pulled pork
forever21 file from gucci totes

Where can I find affordable slim dress pants
onlinegames which helps to increase a sense of relaxation

Creative Marketing Strategies for the Fashion Industry
jeux fr National Institute of Fashion Technology

Colleges in North Carolina Offering Fashion Journalism
kleider where think trend could possibly be next 5

30 Fun Free Things To Do In Vegas That Don’t Involve Gambling
games 520 annually as of May 2009

Compartilhar