Provas do Enade foram aplicadas para 84% dos estudantes inscritos

Provas do Enade foram aplicadas para 84% dos estudantes inscritos

As provas do Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade) 2017 foram aplicadas para 451.517 participantes neste domingo, 26. Esse número equivale a 84% dos 537.388 inscritos. A abstenção, de 16%, é menor que a de 2014, de 17,8%, quando o exame foi aplicado para áreas semelhantes à da edição de 2017. Já a taxa de preenchimento do questionário do estudante foi uma das maiores das últimas edições: 87%. A participação na prova e o preenchimento do questionário do estudante são obrigatórios para obtenção de regularidade junto ao exame, permitindo a colação de grau dos estudantes habilitados.

O Enade 2017 foi aplicado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) sem ocorrências. Apenas 29 participantes foram eliminados por descumprimento das regras do edital. O exame foi aplicado em 1.497 municípios brasileiros e avaliou 12.815 cursos, de 2.072 instituições de ensino superior.

Os resultados do Enade, aliados às respostas do questionário do estudante, serão insumos para o cálculo dos indicadores de qualidade da educação superior: Conceito Enade, Indicador de Diferença entre os Desempenhos Observado e Esperado (IDD), Conceito Preliminar de Curso (CPC) e Índice Geral de Cursos Avaliados da Instituição (IGC). Esses indicadores aferem a qualidade dos cursos e das instituições do país, sendo utilizados tanto para o desenvolvimento de políticas públicas para a Educação Superior quanto como fonte de consultas pela sociedade.

Gabarito – O Inep publicará os gabaritos e os cadernos de questões em seu portal após 4 de dezembro. O relatório dos estudantes em situação regular junto ao Enade 2017, que permitirá à instituição registrar no histórico escolar do estudante a situação dele junto ao exame, será publicado a partir de 20 de dezembro. O boletim de desempenho individual estará disponível no Sistema Enade em data que será divulgada oportunamente pelo Inep. Os padrões de respostas das questões discursivas serão divulgados a partir de 8 de fevereiro de 2018.

Áreas – O Enade 2017 será aplicado aos estudantes concluintes dos cursos que conferem diploma de bacharel nas áreas de arquitetura e urbanismo, engenharia ambiental, engenharia civil, engenharia de alimentos, engenharia de computação, engenharia de controle e automação, engenharia de produção, engenharia elétrica, engenharia florestal, engenharia mecânica, engenharia química, engenharia, sistema de informação; bacharel ou licenciatura nas áreas de ciência da computação, ciências biológicas, ciências sociais, filosofia, física, geografia, história, letras-português, matemática, química; licenciatura nas áreas de artes visuais, educação física, letras-português e espanhol, letras-português e inglês, letras-inglês, música, pedagogia; e tecnólogo nas áreas de análise e desenvolvimento de sistemas, gestão da produção industrial, redes de computadores, gestão da tecnologia da informação.

As áreas de 2017 são equivalentes às de 2014. As áreas avaliadas no Enade são definidas pelo Ministério da Educação, anualmente, a partir de propostas da Comissão de Avaliação da Educação Superior (Conaes). A periodicidade máxima de aplicação do Enade em cada área é trienal.

Confira a apresentação do balanço da aplicação.

Assessoria de Comunicação Social do MEC. 

Compartilhar