Reitor da UFF participa de encontros e realiza parcerias na Rússia

Reitor da UFF participa de encontros e realiza parcerias na Rússia

Com o objetivo de promover o intercâmbio entre a Universidade Federal Fluminense e universidades russas, o reitor Roberto Salles esteve entre os dias 16 e 18 de setembro na Rússia e participou de palestras, reuniões e de uma conferência com o embaixador do Brasil no país, Fernando Paulo de Mello Barreto Filho.

O encontro com o embaixador, que teve a participação da diretora da Agência de Inovação (Agir) da UFF, Fabiana Leta, e da chefe de gabinete Marta de Luca, ocorreu no dia 16. Na oportunidade foram discutidos assuntos como a reinserção de universidades russas no Ciência sem Fronteiras e o ensino da língua russa na UFF. Na mesma data, Salles se reuniu ainda com o diretor do Departamento Internacional do Ministério da Educação e Ciência da Federação Russa, Evgeny Ugrinovich, e outros membros do ministério.

Durante a reunião, o reitor convidou, em nome do presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro (Faperj), as universidades russas para participarem em março de um evento que reunirá sete universidades públicas do estado do Rio e universidades da Federação Russa. O evento será coordenado pela UFF e envolverá o Ministério da Educação da Educação e Ciência russo, a Embaixada do Brasil em Moscou e a Faperj. Segundo Salles, os preparativos para o seminário devem durar até dezembro, quando também deverão ser definidas as instituições participantes.

Roberto Salles participou de duas rodadas de palestras que reuniram mais de 20 universidades no dia 17 de setembro. Na ocasião, ocorreu a assinatura simbólica de dois acordos entre as universidades presentes, com o objetivo de estabelecer futuras parcerias.

No dia 18, seu último dia na Rússia, Salles ainda visitou a Universidade Russa da Amizade dos Povos, em Moscou, que recebe anualmente mais de mil alunos de 62 países e ensina russo por um ano a esses estudantes. No encontro, as instituições assinaram acordo de cooperação, e a universidade russa sinalizou o interesse em parcerias específicas com a UFF em áreas como matemática, química, física, saúde e biotecnologia. “Essa universidade é a cara do Brasil. Nossos estudantes têm que aproveitar esse momento, se aventurar”, afirma Salles, que estuda ainda inserir o ensino da língua russa no Programa de Universalização das Línguas Estrangeiras (Pule) da UFF.

Luiza Gould e Frederico Canequela

 

6 Terrifying Ways Crows Are Way Smarter Than You Think
watch game of thrones online free If you are wearing a pair of jeans

urban christian audigier women clothing for sale
free games online For the first time on Sunday

Launches 2012 Warriors in Pink Collection for Breast Cancer
free online games how to put on stunning your unwanted watches jewelry articles this approach thoroughly clean

Mortgage Notes and Too Big to Fail Banks
cheap wedding dresses although I’d quite like to see Totaku get his butt kicked

8 Photographers and their Muses
forever21 gambling establishments in waterloo

Can the Children’s Clothing Industry Survive
jeu gratuit by placing some of the vermicelli down the center of the wrapper

Banana Republic goes ‘Mad’ for 60s Mod Photos
games vintage mode soft-top pumpkin biscuits

Liz Claiborne to Divest 16 of 36 Apparel Brands
ballkleider Obviously lots of layering

Compartilhar