Reitor da Unipampa comenta extinção do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação

Reitor da Unipampa comenta extinção do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação

O reitor da Universidade Federal do Pampa (Unipampa), Marco Antonio Fontoura Hansen, nesta segunda-feira (13), demonstrou sua insatisfação com o rebaixamento do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) à categoria de secretaria.

De acordo com Hansen, na fusão do MCTI com o Ministério das Comunicações não há total sintonia entre os assuntos tratados pelas duas pastas. O reitor ainda afirma que esta medida deve resultar em prejuízo para a pesquisa. “A extinção do MCTI é um retrocesso para o campo da ciência brasileira. Priorizar a pesquisa é essencial em um país que tem grandes problemas na saúde e na qualidade de vida de seus habitantes, e ainda por cima passa por uma grave crise econômica. Serão os cientistas que trarão soluções para combater, por exemplo, a ZiKa, a Dengue, entre outras tantas doenças que ainda irão afetar a população brasileira. Também é através dela que será possível achar soluções para a total erradicação da fome”, justificou ele.

Ainda segundo o reitor, com a fusão as verbas destinadas ao novo Ministério tendem a ser menores.

Compartilhar