Reunião anual da SBPC na UFRN é adiada

Reunião anual da SBPC na UFRN é adiada

Em função da gravidade da situação gerada pela pandemia de coronavírus (COVID-19), declarada pela Organização Mundial de Saúde (OMS), a Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) e a Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) decidiram adiar a realização da 72a Reunião Anual da SBPC, que estava programada para ocorrer entre 12 e 18 de julho, no Campus Central da UFRN, em Natal.

“Estamos integrados aos esforços de enfrentamento da pandemia e é essencial que todas as autoridades, órgãos públicos, empresas, organizações da sociedade civil e população em geral atuem em conjunto, solidariamente e de acordo com orientações científicas e médicas”, ressaltam em nota divulgada nesta quarta-feira, 18 de março. A nova data será informada assim que for possível definir um período adequado.

A coordenação local explica que as inscrições já realizadas continuam valendo para o evento, assim como serão prorrogadas para que os interessados tenham mais tempo para garantir sua participação. Na medida em que já estão sendo realizadas reuniões de replanejamento do evento entre a UFRN e a SBPC, em breve novos prazos serão anunciados junto com o anúncio da futura nova data.

Veja abaixo a nota na íntegra:

ANÚNCIO DO ADIAMENTO DA 72a REUNIÃO ANUAL DA SBPC

A Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) e a Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), em função da gravidade da situação gerada pela pandemia de coronavírus (COVID-19) declarada pela Organização Mundial de Saúde (OMS), decidiram adiar a realização da 72a Reunião Anual da SBPC, que estava programada para ocorrer entre 12 e 18 de julho na Universidade Federal do Rio Grande do Norte, em Natal.

A nova data da 72a Reunião Anual da SBPC, que tem como tema “Ciência, Educação e Desenvolvimento Sustentável para o Século XXI”, será oportunamente informada quando tivermos mais elementos para a definição do período adequado.

A SBPC e a UFRN destacam que o apoio à pesquisa científica e ao sistema público de saúde, que deve ser muito fortalecido e ter recursos suficientes, são essenciais para a superação deste momento grave para o País e para a humanidade.  Estamos integrados aos esforços de enfrentamento da pandemia e é essencial que todas as autoridades, órgãos públicos, empresas, organizações da sociedade civil e população em geral atuem em conjunto, solidariamente e de acordo com orientações científicas e médicas.

Prof. Dr. José Daniel Diniz Melo

Reitor da UFRN

Prof. Dr. Ildeu de Castro Moreira

Presidente da SBPC

Compartilhar