Seminário debate papel das universidades no desenvolvimento da ciência brasileira

Seminário debate papel das universidades no desenvolvimento da ciência brasileira

Durante a manhã dessa quarta-feira (30), o vice-presidente da Andifes, reitor Edward Madureira (UFG), tratou sobre a importância das universidades federais para o desenvolvimento da ciência e tecnologia, da educação e do conhecimento em seminário realizado pelas Comissões de Ciência e Tecnologia e de Educação da Câmara dos Deputados.

Ao apresentar um panorama do Sistema de Universidades Federais, o reitor lembrou que, “embora as universidades brasileiras sejam ainda jovens, elas vêm crescendo de forma extraordinária, com pesquisas e soluções igualmente extraordinárias”.

Edward destacou que “investir em ciência, é investir num projeto de desenvolvimento do País, e, mais do que investir recursos financeiros, é necessário criar a cultura de diálogo entre setores”.

O reitor afirmou que todo o setor científico está apreensivo com a falta de investimento na área. “Os resultados da falta de investimentos serão vistos a longo prazo, com pesquisas que estão sendo paralisadas, outras que não estão sendo sequer iniciadas e que irá se refletir em outras questões. O que irá motivar o empresário ou o pesquisador, por exemplo, se ele não tiver garantia de que haverá investimento público na ciência e na tecnologia?”

Ao agradecer a participação do reitor na audiência, a autora do pedido para realização do seminário, deputada Margarida Salomão (PT-MG), defendeu que se mantenha “um intenso diálogo por parte do parlamento, da sociedade civil e do governo federal” em defesa das universidades federais e da ciência brasileira.

Além do vice-presidente da Andifes, participaram do seminário a vice-presidente da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), Fernanda Antônia da Fonseca Sobral e o representante do Comitê Executivo do Observatório do Conhecimento, Carlos Alberto Marques.

Compartilhar