Terminam hoje inscrições para o Sisu; inscritos passam de 1,5 milhão

Terminam hoje inscrições para o Sisu; inscritos passam de 1,5 milhão

Termina nesta quinta-feira o prazo para que os estudantes façam suas inscrições para o Sisu (Sistema de Seleção Unificada). Até a noite de ontem, o MEC (Ministério da Educação) registrava quase 1,5 milhão de inscritos. A seleção é feita a partir da nota do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio).

Neste ano, são oferecidas 83 mil vagas. O resultado sai no dia 24 e o período de matrícula dos aprovados vai de 27 a 31 de janeiro. As duas chamadas seguintes estão previstas para 4 e 13 de fevereiro.

Ao final de cada dia, o sistema divulga a nota de corte para cada graduação. O estudante pode mudar de opção se concluir que tem mais chance de ser aprovado em outra instituição ou em outro curso. Cada alteração invalida a opção feita anteriormente.

Nos primeiros dias, os estudantes enfrentaram dificuldades para acessar o sistema pela internet, que ficou sobrecarregado em função do grande volume de acessos. Com isso, houve inclusive o vazamento de dados de candidatos na segunda e terça-feira. Segundo o MEC, a situação já foi normalizada.

JUSTIÇA

Ontem, a Justiça Federal no Rio autorizou que uma estudante veja a correção de sua prova de redação do Enem. É a primeira vez que a Justiça autoriza o acesso à prova do ano passado.

A decisão é do juiz da 14ª Vara Federal do Rio, Adriano Saldanha, o mesmo que concedeu liminar para prorrogação das inscrições do Sisu (Sistema de Seleção Unificada).

A aluna, que não quis se identificar, teve a sua redação anulada pelos corretores, mas afirma que não houve motivo. O advogado dela, Bernardo Anastasia de Oliveira, diz que a decisão judicial permite ainda que a vaga pretendida pela estudante fique reservada caso ela tenha nota suficiente para ser aprovada.

Segundo o Ministério da Educação, ao menos 10 mil redações foram anuladas.

Três ações civis públicas tramitam na Justiça Federal no Ceará e em Pernambuco pedindo a suspensão das inscrições do Sisu devido às queixas na correção do exame. O sistema seleciona candidatos para 83 instituições com base na nota do Enem

Compartilhar