Três novos Institutos Nacionais de Ciência e Tecnologia trazem R$ 20 milhões para a UFC

Três novos Institutos Nacionais de Ciência e Tecnologia trazem R$ 20 milhões para a UFC

A Universidade Federal do Ceará contará com três novos Institutos Nacionais de Ciência e Tecnologia (INCTs), trazendo um aporte de R$ 20 milhões para pesquisa na Universidade. O anúncio foi feito na semana passada pela Presidenta Dilma Rousseff. Com eles, a UFC passará a ter sete INCTs.

Os novos institutos são: Violência e Segurança Pública, sob a coordenação do Prof. César Barreira, do Departamento de Ciências Sociais; Caracterização de Materiais para Infraestrutura, coordenado pelo Prof. Jorge Barbosa Soares, do Departamento de Engenharia de Transportes; e Patógenos Emergentes e Reemergentes, liderado pelo Prof. José Júlio da Costa Sidrim, do Departamento de Patologia e Medicina Legal.

“Isso é extremamente importante. São institutos de alto padrão, que são escolhidos pelo Ministério de Ciência e Tecnologia. Há um edital para apresentação de propostas, isso é extremamente competitivo”, comemora o Reitor Henry Campos. De acordo com ele, os novos institutos já começam a funcionar neste ano.
A UFC já conta com os seguintes INCTs: de Nanobioestrutura e Simulação Nanobiomolecular, coordenado pelo Prof. Benildo Sousa Cavada, do Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia de Recursos Naturais; de Transferência de Materiais Continente-Oceano, pelo Prof. Luiz Drude de Lacerda, do Instituto de Ciências do Mar (Labomar); de Salinidade, pelo Prof. Eneas Gomes de Brito, do Programa de Pós-Graduação em Bioquímica; e DE Biomedicina do Semiárido Brasileiro, pelo Prof. Aldo Ângelo Moreira Lima, do Programa de Pós-Graduação em Farmacologia.

Compartilhar