Ufal inaugura Restaurante Universitário na Unidade de Viçosa

Ufal inaugura Restaurante Universitário na Unidade de Viçosa

Gestão participa do primeiro dia de funcionamento e anuncia novos investimento

Viçosa – Desde a última quinta-feira (14), os estudantes de Medicina Veterinária almoçam na própria Fazenda São Luiz, onde funciona a Unidade de Ensino de Viçosa, vinculada ao Campus Arapiraca da Universidade Federal de Alagoas. Isso só foi possível porque o Restaurante Universitário (RU) foi entregue oficialmente à comunidade. O local tem capacidade para atender cerca de 150 pessoas, entre alunos e servidores, com o mesmo padrão de qualidade do RU do Campus A.C. Simões, em Maceió.

O reitor Eurico Lôbo relatou que a entrega da nova instalação é mais um ganho para a comunidade, um investimento prometido pela gestão nos últimos quatro anos. Ele citou que nesse espaço de tempo a Unidade ganhou laboratórios, aumentou o quadro de professores e técnicos e já está em processo de finalização do Hospital Veterinário. “Aqueles que estão aqui há mais tempo lembram que um dos maiores gargalos encontrados do ponto de vista do crescimento da Unidade de Viçosa era o quadro de professores e nos últimos anos, com muito esforço, conseguimos aumentar o número de docentes, agregando novas vagas, e com qualidade”, disse.

Eurico ainda acrescentou: “Nós ainda temos muito o que fazer, é um processo de crescimento constante. Tenho dito que um dos maiores caminhos a serem percorridos pela Unidade Viçosa é a implantação de uma pós-graduação, o que talvez venha a ser o grande diferencial para o crescimento dessa Unidade e do curso de Medicina Veterinária”.

Ele esteve junto com a equipe de gestão para a solenidade de aposição de placa do RU. A vice-reitora Rachel Rocha; os diretores dos campi Arapiraca, Eliane Cavalcanti, e do Sertão, Agnaldo Santos, além do pró-reitor Estudantil, Pedro Nelson, participaram do primeiro dia de atividades do novo restaurante. “Ainda há coisas a serem realizadas aqui, mas não vamos interromper o seu funcionamento. Para atender melhor a comunidade, estamos esperando a Residência Universitária. Esses equipamentos vão viabilizar a estadia das pessoas na Fazenda”, relatou Pedro Nelson.

Para a diretora da Unidade de Viçosa, Chiara Lopes, a chegada do restaurante alterará a rotina dos alunos, que antes tinham de ir até a cidade para almoçar. “Gostaria de expressar a felicidade de participar de uma data tão esperada pela comunidade”, disse a professora.
Eliane Cavalcanti relatou que se trata de mais um avanço: “Estamos hoje com uma estrutura que está começando a funcionar. Todas as dificuldades do curso, como a distância da cidade e a falta de um local apropriado para comer, entre os períodos das aulas, dificultavam as atividades, mas tudo isso está sendo superado com o tempo”, disse.

A vice-reitora também salientou que essa é apenas uma das muitas demandas que a comunidade acadêmica possui. “Temos plena consciência da incompletude dos espaços e reafirmamos o compromisso de conclusão do que foi iniciado na nossa gestão”, prometeu Rachel.

Eurico ainda anunciou novos investimentos: “Às vezes a gente não resolve a questão com a velocidade e o desejo que a gente quer. Mas na última quarta-feira [dia 13] eu estava em Brasília e uma das coisas que eu discuti com o secretário do Ensino Superior do MEC [Ministério da Educação] foi a possibilidade de transformarmos Viçosa num campus. Eu já deixei as sementes da implantação de mais quatro cursos e, para isso, eu preciso da determinação dos professores para trabalharmos e levarmos esse projeto adiante”.

Regras de utilização
O Restaurante atenderá diariamente uma média de 150 comensais por dia, das 11h30 e às 13h30. Os servidores pagarão R$ 8,00 e os discentes, R$ 3,00. No entanto, aqueles bolsistas cadastrados na Proest, com vulnerabilidade socioeconômica, poderão comer gratuitamente.

No local, também poderão se servir os visitantes, em casos de possíveis eventos realizados na fazenda. Para atender toda a demanda, haverá uma equipe formada por nutricionista, cozinheiros, auxiliares de cozinha e servidores da limpeza.

Além da Unidade de Viçosa, atualmente o Campus A.C. Simões e o Centro de Ciências Agrárias (Ceca) possuem restaurantes na Universidade Federal de Alagoas (Ufal). No momento, estão em construção os equipamentos de Arapiraca e do Campus do Sertão, em Delmiro Gouveia.

Ascom/Ufal

Compartilhar