UFC e universidade escocesa discutem pesquisas conjuntas na área ambiental

UFC e universidade escocesa discutem pesquisas conjuntas na área ambiental

Na tarde da última sexta-feira (24), o reitor da Universidade Federal do Ceará, Henry Campos, recebeu em seu gabinete o Prof. Thomas Meagher, biólogo e pesquisador da Universidade de Saint Andrews, na Escócia. A reunião teve a participação da diretora do Instituto de Ciências do Mar (LABOMAR), Ozilea Menezes, e do vice-coordenador do Curso de Ciências Ambientais da UFC, Marcelo Moro.

Em pauta, a cooperação entre instituições de pesquisa do Brasil e do Reino Unido nos estudos sobre sensoriamento remoto para o uso sustentável de florestas tropicais úmidas. A tecnologia em questão se propõe monitorar a biodiversidade, ao medir o impacto da atividade humana em ecossistemas como a caatinga, a mata atlântica e a Amazônia.

De acordo com Thomas Meagher, a técnica em desenvolvimento escaneia com bastante detalhe a vegetação a partir das copas de árvores, permitindo isolar individualmente a flora e até podendo descobrir novas espécies de plantas. As informações obtidas pelos estudiosos são compartilhados posteriormente com as autoridades, para contribuir com as políticas de conservação ambiental e sustentabilidade.

Além da UFC, os parceiros brasileiros envolvidos na pesquisa incluem o Instituto Tecnológico Vale (ITV), de Belém (PA), e o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), em São José dos Campos (SP). Pelo lado britânico, colaboram com o projeto os Reais Jardins Botânicos de Kew, em Londres, o laboratório Rutherford-Appleton e a agência espacial do Reino Unido.

EXPERTISE – Ao longo da reunião, o reitor Henry Campos se referiu a experiências exitosas da Universidade em frentes de pesquisa afins, como estudos sobre desertificação, irrigação agrícola e novas tecnologias. Citou o nanossatélite SACODE (http://bit.ly/2HDsdcZ), do Departamento de Engenharia de Teleinformática, criado com o propósito de colher em tempo real dados de previsões climáticas, e de condições do solo e de mananciais do semiárido nordestino.

O reitor destacou ainda a parceria da UFC com o Governo do Estado do Ceará e o Instituto Tecnológico da Aeronáutica (ITA), referência em engenharia aeroespacial no País, para o estabelecimento de um mestrado profissional em segurança de aviação (http://bit.ly/2W4Iy3k).

“A Universidade tem se concentrado muito em problemas locais e regionais, e desenvolvido pesquisas próprias, sem copiar o que já está sendo realizado nos grandes centros apenas para ser competitivo. Se não encontrarmos as soluções para nossos próprios problemas, quem irá fazê-lo?”, indagou Henry Campos.

Após o encontro na Reitoria da UFC, os pesquisadores partiram para viagens de campo rumo a áreas de reservas ambientais em Irauçuba, Itapajé e Pacoti, no interior do Estado. A agenda de compromissos também incluiu uma reunião com a Diretoria da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (FUNCEME).

Compartilhar