UFCG – Projeto melhora qualidade de vida de idosos

UFCG – Projeto melhora qualidade de vida de idosos

Cerca de 45 idosos são beneficiados pelo projeto na cidade de Patos

Um projeto desenvolvido pela Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), campus Patos, vem há sete anos contribuindo para melhoria da qualidade de vida de idosos através do convívio com animais. Trata-se do Companheiro PET, realizado no âmbito do Programa de Bolsas de Extensão (Probex) pela professora Sônia Correia Nóbrega, juntamente com seis alunos do curso de Medicina Veterinária.

Desenvolvido desde 2012, o projeto atua no Abrigo para Idosos e no Centro Dia do Idoso, em Patos, beneficiando cerca de 45 idosos. Duas vezes por semana, a equipe faz a visita levando aos locais cães e aves da espécie calopsita, além de realizar atividades voltadaspara reforço da memória, música, interação social, estímulo psicomotor e diminuição de estresse.

As visitas duram, em média, 60 minutos. Os animais envolvidos na ação são dos alunos do projeto e só participam das atividades após serem submetidos a exames de sanidade para averiguação da saúde deles. Os testes são feitos no Hospital Veterinário do Centro de Saúde e Tecnologia Rural (CSTR) da UFCG.

De acordo com a coordenadora do projeto, é visível o benefício do convívio com os animais para os idosos. “As respostas da equipe, dos idosos, dos familiares são as mesmas. Que é muito positivo. Os idosos ficam ansiosos esperando o dia da visita. Perguntam quando vamos voltar. Os que têm mais lucidez até já sabem os dias do projeto. Alguns esquecem até o nosso nome, dos alunos, mas lembram dos animais”, conta Sonia.

Na próxima semana serão realizadas as atividades de encerramento do projeto. Será apresentado um vídeo e fotos dos idosos quando eles estão em atividade de interação com os animais. “Vamos fazer essa atividade de reconhecimento. Muitos idosos não se reconhecem através de fotos. Então, queremos realizar esse momento de interação com eles”, revela.

Compartilhar