UFERSA – Comunidade acadêmica homenagea 50 anos da instituição

UFERSA – Comunidade acadêmica homenagea 50 anos da instituição

A comunidade acadêmica da Ufersa se reuniu na noite desta quinta-feira, dia 07 de dezembro, para a Assembleia Universitária em Homenagem aos 50 anos de Instituição. A Assembleia é convocada anualmente pelo magnifico reitor para a entrega de comendas e honrarias, que neste ano contemplou a professora Celicina Azevedo com a Medalha Professor Jerônimo Vingt-un Rosado Maia; o professor Fernando Gomes de Albuquerque, agraciado com o título de Professor Emérito e a contadora Alvanete Freire Pereira que recebeu o diploma de Mérito Administrativo.

No cortejo de entrada, os docentes de cada um dos centros do Campus Sede, Mossoró, e os dos Centros Multidisciplinar dos campi de Angicos, Caraúbas e Pau dos Ferros foram anunciados, antecedendo a entrada dos homenageados, seguida da entrada dos titulares das Pró-reitorias e Superintendências e do reitor José de Arimatea de Matos, o vice-reitor José Domingues Fontenele Neto, acompanhados da prefeita de Mossoró, Rosalba Ciarlini, e da presidente da Câmara dos Vereadores de Mossoró, senhora Izabel Montenegro.

Também foram convidados ao dispositivo, autoridades acadêmicas e ex-dirigentes da Instituição. Após abertura oficial da programação, foram entregues as medalhas aos Servidores Destaques do ano de 2017, conforme resultado da votação pela comunidade acadêmica. Na sequência, a assembleia foi convidada a assistir um vídeo documentário em destaque a história e crescimento da Instituição e um outro em homenagem em memória dos profissionais que já nos deixaram.

Para a entrega das medalhas, o professor e chefe de gabinete Felipe Ribeiro fez a apresentação da homenageada Celicina Azevedo. “Sinergia”, destacou ele, como sendo uma palavra marco na trajetória da professora. Celicina Azevedo também discursou mais à frente em nome de todos os agraciados. Fez deferência ao profissionalismo e dedicação com que a comunidade acadêmica desenvolve suas atividades em prol do desenvolvimento do Semiárido.

Para pontuar a trajetória da contadora Alvanete Pereiria, a atual pró-reitora de Gestão de Pessoas, Keliane Cavalcanti, enumerou suas qualidades, sobretudo o afinco e prontidão para resolução de todos os desafios que apareciam à frente da unidade. Por fim, coube ao professor Wirton Peixoto referenciar o brilhante e extenso currículo do pesquisador Fernando Gomes de Albuquerque, agraciado com o título de Professor Emérito. “Além dessa honraria merecidamente conferida pela Ufersa, o Conselho Regional de Medicina Veterinária do Rio Grande do Norte – CRMV-RN também reconhece como patrono da Medicina Veterinária do nosso Estado”.

Em pronunciamento, a prefeita do município, Rosalba Ciarlini, traçou um panorama histórico destacando o crescimento da instituição ao longo dos seus 50 anos. “A Ufersa se notabiliza como uma importante instituição de ensino do Norte e Nordeste e de muita contribuição para o desenvolvimento do nosso Semiárido”.

Para finalizar a solenidade, o Magnífico Reitor José de Arimatea de Matos, enalteceu os números alcançados pela Ufersa nos últimos anos e, em especial, em 2017, no ano do seu cinquentenário.

“Iniciamos as comemorações dos 50 anos de ESAM/Ufersa em abril com a apresentação da Orquestra Sinfônica da UFPB e de lá para cá nós alcançamos novas conquistas, mais prêmios chegaram e a nossa qualidade aumentou. Saímos da 32ª para a 29ª posição nacional no Índice Geral de Cursos do Ministério da Educação. Permanecemos como a melhor Universidade do interior do Norte Nordeste brasileiro e também como a 5ª melhor de toda a região”, comentou.

O Reitor também citou os avanços da Ufersa nesses últimos meses enfatizando a entrega da Biblioteca e da Residência de Pau dos Ferros, da Residência de Caraúbas, do Bloco de Computação, da ampliação e reestruturação do Restaurante Universitário e do Prédio para as salas de aula de Direito e da Pós-Graduação em Manejo de Solo e Água. Arimatea falou do compromisso ainda com a conclusão dos Restaurantes de Angicos, Caraúbas e Pau dos Ferros.

Agradecendo a presença dos servidores e o trabalho da Comissão responsável pelas comemorações dos 50 anos, o Reitor finalizou o discurso erguendo o Troféu conquistado pelo professor Nildo Dias como campeão do Prêmio ANA 2017, na categoria Inovação Tecnológica. O anfitrião concluiu as suas palavras resgatando uma frase presente na Ata da Egréria Congregação da Escola Superior de Agricultura de Mossoró, realizada no dia 18 de dezembro de 1967. “O presidente da Egréria Congregação, Dr. Wander Said, passa a palavra de encerramento ao Dr. Orlando Teixeira (Instituto Nacional de Desenvolvimento Agrário-INDA). Foram palavras suas: Esta Escola, em cujas paredes está impregnado o meu hálito e o meu esforço construtor a cada centímetro seu, forjará o futuro redimido de nossa região”, finalizou.

Fonte: Ascom UFERSA

Compartilhar