UFES – Prefeitura Universitária estima economia de até R$ 400 mil com horário especial

UFES – Prefeitura Universitária estima economia de até R$ 400 mil com horário especial

A Prefeitura Universitária estima uma redução de 40% a 50% no valor da conta de energia elétrica e de cerca de 20% nas despesas com o fornecimento de água no período de 4 de janeiro a 21 de fevereiro.  A redução seria o resultado do funcionamento em horário especial, das 7 às 13 horas, dos setores administrativos da Ufes.

De acordo com o prefeito universitário, Renato Schwab, a expectativa é que haja uma economia de até R$ 400 mil somente com energia elétrica. “Ações corretivas e várias intervenções foram feitas durante todo o ano de 2015 para eliminar vazamentos de água, o que já resulta em economia. Mas em relação à energia elétrica, nosso vilão é o aparelho de ar-condicionado. O horário especial permite uma grande economia, pois eles estão deixando de funcionar no período da tarde, onde é registrado o pico de consumo”, destaca Schwab.

O horário especial foi proposto pelo Gabinete do Reitor e aprovada em sessão extraordinária do Conselho Universitário, realizada em dezembro. Segundo a Resolução 40/2015, o horário especial não se aplica ao Hospital Universitário Cassiano Antonio Moraes (Hucam) e os Centros de Ensino também poderão definir outro horário de funcionamento, se houver demandas específicas de atendimento aos estudantes, consideradas como excepcionalidades, como nos casos de cursos que ofertam disciplinas de verão.

A vice-reitora no exercício da Reitoria, Ethel Maciel, também encaminhou e-mail para todos os servidores solicitando algumas providências para a redução dos gastos, entre elas a verificação de lâmpadas acesas em áreas comuns.

Hélio Marchioni – Universidade Federal do Espírito Santo

Compartilhar