UFMA e SECID discutem iniciativas em Turismo

UFMA e SECID discutem iniciativas em Turismo

SÃO LUÍS – Para alinhar ideias em políticas públicas voltadas para o turismo e a história maranhense, especialmente do centro histórico da capital maranhense, foi realizada uma reunião da reitora Nair Portela com o secretário adjunto de Assuntos Metropolitanos da Secretaria de Estado de Cidades do Maranhão, Raimundo Reis, além dos coordenadores dos cursos de Turismo e Hotelaria da UFMA, Ana Letícia Burity da Silva e Saulo Ribeiro dos Santos, respectivamente, do diretor do Centro de Empreendedorismo da UFMA, Rafael Lopes, e do docente do Bacharelado Interdisciplinar em Ciência e Tecnologia da universidade, José Renato Lima.

Segundo o secretário adjunto de Assuntos Metropolitanos da Secretaria de Estado de Cidades do Maranhão, Raimundo Reis, a ideia da visita à Fábrica Santa Amélia era sugerir e receber sugestões, propostas e ideias conjuntas voltadas a políticas públicas para a sociedade maranhense.

“A ideia é estreitar os laços entre a academia e as políticas públicas. A gente quer ter proximidade com os cursos de Hotelaria e turismo, assim como História e a comunidade acadêmica que tiver interesse em colaborar. A Secretaria tem interesse em fazer a política pública por meio de ciência”, disse Reis.

Durante o encontro, foi abertas possibilidades de produção conjunta de aplicações para celular e da formação de um mapa dos pontos turísticos de São Luís que possam guiar não apenas turistas, mas também a própria população ludovicense que frequenta o Centro Histórico. Também foi sugerida a realização de uma jornada de inovação semelhante à primeira edição do Workshop Design Thinking para o SUS.

Para o coordenador do curso de Hotelaria, o aspecto inicial a ser considerado é o acesso das pessoas a informações sobre os lugares em que frequenta na localidade. “O ponto base é a informação de tudo o que tem no entorno e quais os pontos turísticos a serem mapeados. É preciso que haja a informação física e virtual dessa informação para os usuários”, declarou.

A coordenadora do curso de Turismo concordou e ponderou sobre outro aspecto relevante do projeto: “Há de se pensar primeiro no cidadão para este possa receber bem turista e poder conceder informações e ajudar os visitantes muito melhor”, frisou Ana Letícia.

A reitora Nair Portela elogiou a realização do encontro na ocasião. “Agradecemos o interesse da Secretaria de Cidades por nos procurar e em valorizar o trabalho acadêmico que é produzido na instituição. Esperamos que daqui saiam muitas ações que integrem a universidade, a secretaria e a sociedade maranhense”, afirmou.

Compartilhar