UFPE inaugura obras do Centro de Artes e Comunicação

UFPE inaugura obras do Centro de Artes e Comunicação

Amanhã (06), às 10h, serão inauguradas obras de melhoria no Centro de Artes e Comunicação (CAC) da UFPE, dentre elas a reforma da biblioteca Joaquim Cardozo e dos laboratórios de informática, financiada pelo Programa de Apoio ao Plano de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais (Reuni). Além disso, haverá a inauguração da Seção de Estudos e Acompanhamento Pedagógicos (Seap), da Coordenação de Comunicação e Design e do espaço de convivência dos Diretórios Acadêmicos. Haverá, ainda, abertura da Exposição “Mural em Homenagem aos 35 Anos do CAC”. A solenidade será presidida pelo reitor Amaro Lins.

Segundo a diretora do CAC, professora Virgínia Leal, o Seap já funciona há um ano, prestando assessoria aos coordenadores de curso, junto aos quais conseguiram importantes reformas curriculares. A diretora afirma que o Seap é responsável pelo acompanhamento pedagógico e análise da evasão e retenção, no CAC. “Eles fazem uma avaliação quantitativa e, especialmente, qualitativa do centro”, explica.

Com relação à Coordenação de Comunicação e Design, Virgínia Leal explica que ela tem funcionado na tentativa de agilizar a comunicação entre o centro e o público. Segundo ela, a coordenação é responsável pelo boletim eletrônico com as informações sobre o centro e programação visual. Fazem parte da equipe estagiários do bureau de design e de jornalismo.

O Espaço de Convivência dos DAs, no mezanino do prédio (acima da cantina), foi revitalizado, segundo a diretora do centro. “Foram colocadas mesas e cadeiras para reunião de alunos. Vemos que os alunos estão fazendo um bom uso do local”, afirmou Virgínia Leal. Segundo ela, a decisão de criação do espaço foi tomada visto que os alunos do CAC costumam se reunir na parte externa do centro e, com as obras acontecendo, perdeu-se um pouco daquele ambiente.

Conforme o professor Enio Eskinazi, diretor do Departamento de Planos e Projetos (DPP) da Prefeitura da Cidade Universitária, a obra de reforma da Biblioteca teve um custo de R$ 126.153,48. Estão em andamento outras obras no Centro de Artes e Comunicação, segundo ele, dentre elas a reforma do auditório, no valor de R$ 81.151,31 e a ampliação do Departamento de Letras, custando R$ 382.947,62.

Encontra-se em licitação, ainda, a ampliação e reforma do Centro de Artes, com a construção de salas de aula, laboratórios e salas de dança, totalizando R$ 1.783.909,00. Já a construção do Departamento de Música encontra-se na fase de elaboração de projeto. A ampliação do CAC e a construção do Departamento de Música também serão financiadas com recursos do Reuni.

 

Compartilhar