UFPE sedia Assembleia da Conferência Regional de Reitores das Universidades Latino-Americanas

UFPE sedia Assembleia da Conferência Regional de Reitores das Universidades Latino-Americanas

Encontro dos reitores membros da Agência Universitária da Francofonia será nos dias 20 e 21

A Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) sedia, nos próximos dias 20 e 21, no Auditório Reitor João Alfredo, na Reitoria, a II Assembleia Geral da Conferência Regional de Reitores das Universidades Latino-Americanas (Crula) Membros da Agência Universitária da Francofonia (AUF), com o tema “A francofonia universitária na América Latina: uma solidariedade ativa”. O reitor Anísio Brasileiro é o atual presidente do Conselho Executivo da Crula. O evento busca reforçar a colaboração entre seus membros e renovar seu conselho executivo.

A UFPE vai reunir 40 universidades que têm a língua francesa na sua formação, seja no Colégio de Aplicação, seja no Departamento de Letras. “Realizar um seminário de reitores organizado pela UFPE representa, em primeiro lugar, um reconhecimento do mundo da francofonia sobre a importância estratégica da UFPE nessa área de conhecimento. Em segundo lugar, é uma oportunidade de fortalecer a cooperação entre universidades para mobilidade em torno da temática da formação em língua francesa”, explica o reitor.

Em sua primeira assembleia geral, realizada em Bogotá, na Colômbia, no ano passado, quatro grandes eixos de colaboração foram estabelecidos pelos participantes: língua francesa, pesquisa, mobilidade estudantil e governança. O primeiro objetivo da assembleia geral de 2018 é apresentar os resultados do trabalho realizado e levantar perspectivas de parcerias mais robustas em torno desses eixos. O segundo objetivo é consolidar o formato institucional da Crula, com a definição de seu estatuto e de seu novo conselho executivo.

No dia 20, haverá quatro oficinas em plenária: “Promoção da língua francesa e da diversidade cultural”, “Por uma pesquisa compartilhada e solidária”, “Por uma melhor acessibilidade à mobilidade estudantil” e “Por uma governança de qualidade que favoreça a empregabilidade”. Em seguida, haverá assinatura de convênios. O dia 21 está reservado para balanço do mandato, apresentação e votação do Estatuto, eleição para presidente da Crula, discurso do novo presidente e apresentação do conselho executivo.

Compartilhar