UFRA – Programa de iniciação científica é contemplado com bolsas Fapespa

UFRA – Programa de iniciação científica é contemplado com bolsas Fapespa

A Universidade Federal Rural da Amazônia (Ufra) foi contemplada com 67 quotas institucionais de bolsas de iniciação científica através da Fundação Amazônia de Amparo a Estudos e Pesquisas (Fapespa). O resultado da Chamada Nº 006/2017, destinada a instituições de ensino superior e institutos de pesquisa do Pará, foi divulgado no último dia 22 de janeiro pela Fundação, e a proposta da Ufra foi submetida pela Pró-Reitoria de Pesquisa e Desenvolvimento Tecnológico (Proped).

Com isso, o Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (PIBIC) da Ufra passará a contar com um total de 247 bolsas para alunos de graduação, que serão ofertadas ainda este ano, no próximo processo seletivo do programa. Segundo a professora Paula Pinheiro, coordenadora do PIBIC/UFRA, o resultado basicamente quadriplica o número de quotas institucionais oferecidas pela Fapespa, já que o programa conta, atualmente, com 180 bolsas, sendo 16 concedidas pela Fundação.

“Atualmente, além das 16 bolsas da Fapespa, temos 164 bolsas oferecidas através do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (Cnpq) e da própria Ufra. Estamos trabalhando para que cada vez mais tenhamos mais bolsas e, com isso, mais professores e alunos poderão desenvolver suas pesquisas”, explica a professora.

O PIBIC pretende aumentar, futuramente, o número de bolsas por meio de apoios de outras instituições. Para isso, irá inscrever os projetos mais relevantes e que tenham capacidade de serem selecionados em editais de chamadas para bolsas, como foi no caso da Fapespa.

Texto: Raíssa Lima

Compartilhar