UFRA – Projeto arrecada garrafas pet para decoração de “Natal Sustentável” no campus

UFRA – Projeto arrecada garrafas pet para decoração de “Natal Sustentável” no campus

Com a finalidade de desenvolver atividades com foco na gestão integrada de resíduos pós-consumo e na sua destinação de forma ambientalmente correta, a Universidade Federal Rural da Amazônia inicia, a partir de amanhã (17) o projeto “Natal Sustentável – UFRA Belém”. O objetivo é que a comunidade acadêmica realize a doação de garrafas pet, evitando o descarte inadequado, para que esse material seja utilizado na fabricação de adornos para o período natalino da universidade. As garrafas devem ser entregues na Sala de Conselhos, na Reitoria da universidade, até o dia 24 de novembro. A ornamentação deve iniciar na última semana de novembro.

A professora Wanúbya Campelo, idealizadora do projeto, acredita que a ação está alinhada com a missão da universidade. “A importância dessa ação é trabalhar a questão da sustentabilidade por meio da reciclagem dentro da instituição, além de visar à integração de toda a comunidade ‘ufraniana’ nesse momento importante de confraternização social, que é o natal. Então, nada melhor do que aproveitar essa data festiva para poder incentivar ações que visam a melhoria do ambiente de trabalho, a integração entre docentes, técnicos e alunos, além da consciência social e efetivação de ações de sustentabilidade que estão de acordo com o projeto de logística sustentável da universidade”, diz a professora.

O projeto conta com o apoio da Fundação de Apoio à Pesquisa, Extensão e Ensino em Ciências Agrárias (FUNPEA) que fará doações de outros materiais, como pisca-pisca, laços e fitas. A junção desses utensílios com as garrafas PET será para a confecção de árvores de natal que serão dispostas pelo campus da UFRA. A ornamentação será feita pelo profissional Antônio Moraes, decorador, e contará também com a participação da comunidade acadêmica que, durante a ação, receberá orientações.

Essa é a primeira vez que o projeto está sendo desenvolvido dentro do campus UFRA – Belém e, futuramente, deve ocorrer nos demais campi da universidade.

Desintegração de garrafa PET – segundo uma pesquisa realizada pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), o período de decomposição da garrafa PET é de, no mínimo, cem anos, visto que a durabilidade do material, ligada à umidade e agentes químicos faz com que a desintegração do material seja muito demorada.

Texto: Raíssa Lima

Revisão: Vanessa Monteiro (Ascom UFRA)

Compartilhar