UFRB realiza II Encontro Brasil-Colômbia e VIII Seminário do PPGCS

UFRB realiza II Encontro Brasil-Colômbia e VIII Seminário do PPGCS

A Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) promoveu, na última semana em Cachoeira, o II Encontro Brasil-Colômbia e o VIII Seminário do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais no auditório do Centro de Artes, Humanidades e Letras (CAHL).

Mais de 120 credenciamentos foram realizados no evento que teve a presença do professor da PUC-SP, Hector Mondragón Baez, no ato de abertura abordando o tema “Terra, territórios e alimentos na Colômbia”. Hector Mondragón é economista e pesquisador, consultor do movimento campesino, de povos originários e de afrodescendentes.

Já na última quinta-feira, 27, foi realizada a terceira mesa-redonda do seminário sobre o sistema prisional brasileiro. O professor Herbert Toledo Martins (UFSB) foi debatedor da mesa e apresentou um panorama estatístico sobre o conjunto de elementos em questão antes de passar a palavra aos professores Luís Claudio Lourenço (UFBA) e Riccardo Cappi (UFRB/UEFS).

Segunto Toledo, o perfil dentro do sistema prisional mostra que a maioria dos presos é jovem e se encontram na faixa etária entre 18 e 34 anos, correspondendo a um universo de 55%. Os dados sobre a questão de cor e raça apresentam que pardos e negros são 64%, brancos 35% e amarelos ou indígenas 1%. Quando se fala em grau de escolaridade, o perfil deste público mostra que 30% dos detidos têm o ensino fundamental incompleto e 36%, analfabetos.

Ainda durante o Seminário foram realizados minicursos de apresentações e trabalho.

Compartilhar