UFRN – Reitora profere conferência sobre educação superior no cenário mundial

UFRN – Reitora profere conferência sobre educação superior no cenário mundial

A reitora da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Angela Paiva Cruz, foi uma das conferencistas desta quinta-feira, 15 de julho, no XXV Encontro da Associação de Universidades de Língua Portuguesa (AULP), evento realizado pela Universidade de Cabo Verde, e que acontece na cidade da Praia, na Ilha de Santiago, na República de Cabo Verde.

Sob o título “As universidades de língua portuguesa no cenário mundial da educação superior: inclusão, interiorização e internacionalização”, a reitora da UFRN, fez sua exposição durante a conferência “Novos desafios das Universidades membros da AULP”, momento que contou, também, com a participação da reitora da Universidade de Cabo Verde, Judite Nascimento, do reitor do Instituto Superior de Ciências Econômicas e Empresariais, Rui Franganito, e da professora da Universidade de Lisboa, Luísa Cerdeira.
Durante a sessão solene de abertura do Encontro, na quarta-feira, 15, o ministro de Ensino Superior, Ciência e Tecnologia de Cabo Verde, Antonio Correia e Silva, destacou a importância do ensino superior no país, ao afirmar que “não haveria república plena em Cabo Verde, acaso não tivéssemos universidades. Neste processo, a Universidade de Cabo Verde é uma das protagonistas”.

Ao falar sobre o Encontro, o ministro disse acreditar que “o evento vai ampliar oportunidades de qualificação para o desenvolvimento científico e tecnológico dos países envolvidos” acrescentando, também, que o AULP tem entre seus objetivos somar aos afetos os laços colaborativos.

Na ocasião, a reitora da Universidade de Cabo Verde, Judite Nascimento, assinalou que o XXV Encontro da AULP está entre os eventos comemorativos dos 40 anos de independência do país. A sessão solene também ficou marcada pela posse do novo presidente da Associação, o reitor da Universidade de Macau, Wei Zhao.
O primeiro-ministro de Cabo Verde, José Maria Neves, presente ao evento, também falou da importância do XXV Encontro da AULP. “O objetivo aqui é fomentar as forças e novos processos de criação. Sabemos do papel transformador que a criação do sistema universitário impôs ao nosso país e por isso temos a exata noção do que um espaço como este pode render de frutos para a nossa sociedade, com melhores condições de qualidade e inclusão social, licenciaturas e doutoramentos mais ampliados e com maior alcance pelos jovens”, pontuou o primeiro-ministro de Cabo Verde, Pedro Passos Coelho.

O XXV Encontro da Associação de Universidades de Língua Portuguesa termina nesta sexta-feira, 17, em Sessão Solene com discursos da reitora da Universidade de Cabo Verde, professora Doutora Judite Nascimento, do professor Doutor Rui Martins, representante do Conselho de Administração da AULP, do General Rocha Vieira, membro honorário da AULP e do Ministro do Ensino Superior, Ciência e Inovação de Cabo Verde, professor Doutor António Correia e Silva.
AULP
Fundada em 26 de novembro de 1986, a Associação das Universidades de Língua Portuguesa (AULP) é uma ONG internacional que promove a cooperação e troca de informação entre Universidades e Institutos Superiores. Atualmente, congregam cerca de 140 integrantes dos oito países de língua oficial portuguesa: Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe, Timor e Macau.

A missão da Associação é facilitar a comunicação entre os membros em prol do desenvolvimento coletivo do ensino e da língua portuguesa no mundo. Isso estimula a investigação e o intercâmbio de alunos e de docentes.

Agecom UFRN

Compartilhar