UFS – Paciente curado da COVID-19 tem alta após ter chegado em situação crítica no Hospital Universitário de Lagarto

UFS – Paciente curado da COVID-19 tem alta após ter chegado em situação crítica no Hospital Universitário de Lagarto

O momento foi celebrado pela esposa, demais familiares e pelos profissionais de saúde

Depois de 17 dias de internação e ter sido admitido na Unidade de Doenças Respiratórias em situação extremamente crítica, a alta desse paciente residente em Lagarto foi motivo de comemoração e registro por parte de familiares e da equipe assistencial do Hospital Universitário de Lagarto que se dedicou a acolher e cuidar do usuário ao longo da permanência na unidade.

Segundo o infectologista do hospital, dr. Thiago Mendes, a situação do paciente era extremamente crítica, sobretudo na questão do comprometimento pulmonar. O profissional recorda que o usuário chegou ao hospital praticamente desfalecido e com um quadro tal de comprometimento que a equipe assistencial considerou como ‘desesperadora’. “Chegou numa situação precária, por um fio”, lembra o infectologista. “Podemos até dizer que foi espetacular a recuperação, considerando o estado de saúde apresentado na admissão”, recorda.

Não por acaso a alta foi tão celebrada pela esposa e demais familiares, com também pelos profissionais de saúde, conscientes que estavam do significado do momento e do quanto havia ali de capacidade de superação e luta de todos pela cura. Durante a internação o paciente permaneceu por 10 dias em ventilação mecânica (UTI).

“Só tenho a agradecer a Deus, que ele está saindo vivo dessa, porque ele tem vários problemas de saúde, é cardíaco, hipertenso, diabético e felizmente está saindo bem”, comemorou a esposa do usuário. “E dizer para o pessoal se cuidar, né, que é o mais importante; ele tinha tanto medo e acabou sendo contaminado”, disse. “E quero ainda agradecer a todos e ao doutor Thiago, que me deixou a par de toda a situação; todos os dias eu tava aqui e ele sempre atendendo bem; um ser humano incrível”, afirmou.

“Toda a equipe de médicos, enfermeiros e principalmente de fisioterapeutas do HUL estão de parabéns”, destaca o infectologista Thiago Mendes, que acompanhou desde o primeiro momento o caso do paciente. “A assistência e dedicação dispensada por todos esses profissionais foi fundamental para a recuperação do paciente”, observa.

“Em meio a tantas lutas diárias, casos como esse são recompensas que levamos para a vida”, disse por sua vez Camilla Santana, profissional responsável pelo setor de Regulação e Avaliação em Saúde do HUL.

O gerente de Atenção à Saúde do HUL, dr. Érico de Pinho, também comemorou a alta e superação do paciente e comentou sobre a resolutividade do atendimento prestado na unidade. “Em meio a tantas notícias ruins é gratificante e motivador ver o principal objetivo do nosso trabalho ser alcançado: o restabelecimento de uma vida”, enfatiza. “Todo esforço e dedicação da equipe do HUL nesse momento tão difícil tem apenas um foco: salvar o maior número de vidas possíveis”, observa.

Compartilhar