UFS recebe professores norte-americanos para atividades culturais e linguísticas

UFS recebe professores norte-americanos para atividades culturais e linguísticas

Atividades devem começar em fevereiro e vão durar nove meses entre 2018 e 2019

Segundo a professora Elaine Maria, os trabalhos desenvolvidos pelos profissionais serão focados nas questões acadêmicas.

A Universidade Federal de Sergipe receberá profissionais dos Estados Unidos recém-formados para desenvolverem atividades culturais e linguísticas com o objetivo de ajudar alunos e servidores da instituição no aprendizado da língua inglesa. Serão três English Teaching Assistants (ETAs) que devem começar a atuar em fevereiro do próximo ano. As atividades vão durar nove meses e ocorrerão nos anos de 2018 e 2019.

O projeto, que é coordenado pelos professores Elaine Maria Santos e Luiz Eduardo Meneses de Oliveira, do Departamento de Letras Estrangeiras (DLES), vem sendo contemplado desde 2014 com o edital Capes/Fulbright. O projeto é parceiro do programa Inglês sem Fronteiras e das pró-reitorias de Graduação (Prograd) e Pós-Graduação e Pesquisa (Posgrap).

Segundo Elaine Maria, os trabalhos desenvolvidos pelos profissionais vão abordar também questões acadêmicas. “As questões acadêmicas estão ligadas à mobilidade e às experiências que os alunos terão quando participarem de alguma atividade, evento ou até mesmo a partir de um intercâmbio entre universidades”.

A professora conta ainda que esse é um importante meio para reafirmar as políticas de internacionalização da UFS. “A internacionalização está pautada, principalmente, no inglês. Quando temos três norte-americanos aqui, dedicados ao desenvolvimento linguístico dos alunos e servidores, isso ajuda na preparação de artigos em inglês, participação de eventos internacionais etc”.

As atividades dos profissionais incluem o estímulo para promover, através de palestras e oficinas, propostas de desenvolvimento das habilidades de compreensão, produção oral e escrita, e leitura e redação, além do fomento de propostas que incluem conteúdos culturais, sociais e históricos da sociedade norte-americana, e serão divulgadas com antecedência.

Os alunos e servidores poderão se inscrever através do SIGAA ou de outros meios indicados.
Inglês sem Fronteiras

O Inglês sem Fronteiras é um programa do Governo Federal junto ao Ministério da Educação que visa o incentivo do aprendizado do inglês.

Os que desejam participar do programa devem passar por um teste de nivelamento e atentarem para as regras específicas de cada edital. A UFS admite alunos para o programa de duas maneiras: através da prova do TOEFL e do curso My English Online (a partir do nível 3).

Fonte: Ascom

 

Compartilhar