UFS – Ultrassom de ponta do Hucam é primeiro do estado disponível no SUS

UFS – Ultrassom de ponta do Hucam é primeiro do estado disponível no SUS

Foi apresentado nesta quarta-feira, 27, no Hospital Universitário Cassiano Antonio Moraes (Hucam), um dos aparelhos de ultrassom mais modernos do mundo. O equipamento realiza todo o processo de acompanhamento pré-natal de gestantes com suspeita de infecção pelo Zika vírus e de fetos com possível diagnóstico de doenças congênitas.

O aparelho adquirido pelo Hospital é o primeiro do estado disponível no Sistema Único de Saúde (SUS). Chamado de Epiq 5G System, o ultrassom custou R$ 300 mil e foi comprado por meio de recursos provenientes do projeto de pesquisa sobre Zika vírus desenvolvido pelo Núcleo de Doenças Infecciosas (NDI) da Ufes. O projeto é financiado pela Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Espírito Santo (Fapes).

A tecnologia de ponta usada no equipamento permite imagens com nível de realismo sem parâmetro no mercado. Chamada comercialmente de 4D, trata-se de uma imagem em três dimensões que pode ser vista em movimento e em tempo real.O ultrassom será fundamental na produção de conhecimento sobre os efeitos da infeção pelo Zika vírus.

A cerimônia contou com a presença do governador Paulo Hartung, do reitor Reinaldo Centoducatte, da diretora do Centro de Ciências da Saúde (CCS) Gláucia Abreu, do superintendente do Hucam Luiz Alberto Sobral, d chefe do Setor de Apoio Diagnóstico Rodrigo Moll, d diretor do Núcleo de Doenças Infecciosas (NDI) Reinaldo Dietze, e de professores, servidores e estudantes.

Avanços

O reitor Reinaldo Centoducatte reforçou a importância do aparelho para o Hospital, que atende paciente de todos os municípios do Espírito Santo e de outros estados. Relatou também que, apesar das dificuldades pelas quais as universidades federais estão passando, principalmente as financeiras, avanços estão ocorrendo. “Apesar de tudo, a crise está sendo superada com muito trabalho, dedicação e planejamento”, destacou o reitor.

O governador Paulo Hartung reforçou a importância do novo equipamento e dos especialistas da Ufes na resolução dos problemas sociais. “Quando ocorrem situações preocupantes no estado, são os especialistas da Ufes que são chamados para assessorar o governo. É na Ufes que estão os profissionais mais preparados e de maior potencial que precisamos”, afirmou o governador.

Texto: Jorge Medina
Edição: Thereza Marinho

 

Compartilhar