UFSC faz avaliação sobre as consequências da greve dos caminhoneiros

UFSC faz avaliação sobre as consequências da greve dos caminhoneiros

A Administração Central da Universidade Federal de Santa Catarina, em reunião realizada na tarde desta quarta feira, 30 de maio, e ouvidos os membros do comitê especial de avaliação e monitoramento (Comitê de Emergência), Diretoras(es) de Centro, Pró Reitores e Secretários da Gestão,  informa que tornará pública, na próxima sexta feira, dia 1º de junho, a decisão referente às atividades da instituição a partir de segunda feira, dia 04 de junho.

Até sexta feira, 1º/06,continuará sendo feito o acompanhamento diário das consequências do movimento de paralisação dos caminhoneiros, e as condições de retomada ou não do funcionamento de serviços como transporte público.

Igualmente será avaliada a situação do abastecimento de insumos médicos para o Hospital Universitário, combustíveis, gás e gêneros alimentícios, a fim de considerar a continuidade ou não da operação dos Restaurantes Universitários, em Florianópolis e nas demais unidades, bem como as possibilidades de locomoção e acesso de estudantes, servidores técnicos e docentes, em todas as unidades da UFSC no estado de Santa Catarina.

 

 

Compartilhar