UFSJ sedia encontro nacional de pró-reitores

UFSJ sedia encontro nacional de pró-reitores

A partir da próxima quarta, 10, a UFSJ sediará a VI reunião do Fórum Nacional de Pró-Reitores de Planejamento e Administração das Instituições Federais de Ensino Superior (FORPLAD). Em parceria com a UFMG e o CEFET-MG, o evento tratará de aspectos de administração e planejamento das universidades, com estimativa de 150 participantes, divididos em pró-reitores e autoridades do Ministério da Educação (MEC).

O Forplad é o fórum assessor da Associação Nacional dos Dirigentes das IFES (Andifes) que reúne todos os pró-reitores de planejamento e administração com o objetivo de discutir diretrizes e solucionar problemas das instituições associadas. Na programação do evento, estão previstas as presenças da secretária de Educação Superior do MEC, Maria Paula Dallari Bucci, e do sub-secretário de Orçamento e Planejamento do MEC, Paulo Eduardo Nunes de Moura Rocha.

De acordo com a pró-reitora de Planejamento, Neyla Lourdes Bello, “o objetivo desse fórum é tratar os assuntos de forma coletiva”, diz. A pró-reitora explica que será apresentado o planejamento estratégico da UFSJ, que servirá de exemplo para aplicação em universidades do país inteiro. “Iremos inserir o plano no Sistema Integrado de Monitoramento, Execução e Controle (SIMEC). O nosso objetivo é que a área de orçamento dialogue com a de planejamento”, completa.

Cultura regional
Além das discussões e apresentações das universidades no anfiteatro do Campus Santo Antônio, a programação conta, também com apresentações artísticas. Na quarta-feira, 10, a orquestra de Música da UFSJ apresenta um concerto na igreja de Nossa Senhora do Carmo. Após o musical, o grupo Lendas São-Joanenses encantará os participantes com histórias da cultura popular da cidade.

“Queremos mostrar a Universidade e as belezas de São João del-Rei aos dirigentes do Brasil inteiro. É uma prática nos fóruns promover apresentações culturais e, por isso, escolhemos a elementos do barroco para abrilhantar o evento. São João del-Rei respira cultura”, expressa a pró-reitora Neyla.

Compartilhar